Clique aqui e veja as últimas notícias!

FUTEBOL

Maior campeão, Operário apresenta elenco e comissão técnica para Estadual 2018

Maior campeão, Operário apresenta elenco e comissão técnica para Estadual 2018
10/01/2018 10:27 - LEANDRO ABREU E RENAN NUCCI


 

O Operário Futebol Clube apresentou na manhã de hoje (10) o elenco e a comissão técnica para o Campeonato Sul-Mato-Grossense 2018. Entre os destaques, estão o técnico Celso Rodrigues, mantido após o terceiro lugar no torneio do ano passado, e o atacante Rodrigo Gral, com experiência em grandes clubes como Grêmio.

Foram apresentados 25 dos 28 jogadores que devem disputar o campeonato deste ano. Entre eles, o zagueiro André Paulino, 32 anos, que vem para sua primeira temporada em Mato Grosso do Sul.

“Já soube que o campeonato estadual é muito difícil e muito nivelado. Nem sempre quem investe mais tem mais facilidade e quem investe menos tem mais dificuldade. Mesmo assim, espero uma boa temporada para tirar o Operário da fila de títulos estaduais”, disse o atleta que tem passagens por Chapecoense, Ceará, Santa Cruz, Avaí e Madureira.

Há 21 anos sem vencer o campeonato estadual, o Galo da Capital ainda é o maior campeão do torneio, com 10 títulos. Nos últimos três anos, o clube ficou sempre entre os quatro primeiros, mas não chegou a disputar a final.

Principal esperança de gols nessa temporada, o atacante Giovani Rosa, 26 anos, falou um pouco sobre suas características dentro de campo. “Sou um homem de área. Tenho qualidade para sair da área e buscar o jogo, mas gosto de atuar como finalizador, como camisa 9”, explicou.

Mantido no cargo de treinador após o bom resultado no campeonato de 2017, Celso Rodrigues foi breve durante a apresentação do elenco e da comissão técnica. Ele não garantiu resultado, mas confirmou que haverá toda entrega e dedicação da equipe. “A semente do ano passado ficou plantada e tenho certeza que esse ano vai germinar. Será uma longa caminhada, mas com a ajuda de todos e da torcida vamos conseguie retribuir com resultado”, afirmou.

Já Rodrigo Gral, que é uma das lideranças do clube, tanto dentro, como fora de campo, elogiou a atitude da diretoria em mantér o técnico. “Acredito que é o caminho. Entendo que o a manutenção é o caminho ideal pra levar uma equipe ao título. E se for seguido o exemplo por outros clubes do Estado, com certeza vamos evoluir no profissionalismo”, detalhou. “Não temos uma equipe na Série C e nem mesmo na Série D. Ainda assim, na Série D, sofremos para passar de fase. Somente como atitudes profissionais como essa que Operário vem adotando, é que pode ter uma evolução no futebol”, completou.

SÓCIO TORCEDOR

Além do elenco e da comissão técnica deste ano, a diretoria do Operário também apresentou o programa Sócio Torcedor nesta manhã. De acordo com o presidente do clube, Estevão Petrallas, a ação pode dar autonomia financeira ao Galo, que assim como outros clubes sul-mato-grossenses, sofre com a falta de investimento no esporte.

“Nós recebemos 'não' de várias empresas de grande porte, que teriam condições de nos patrocinar, mas vamos investir no Sócio Torcedor. Se tivermos dois mil sócios cadastrados, já seremos autossuficientes e não vamos precisar ir no desespero atrás dessas empresas”, explicou o presidente.

O programa possui vários tipos de planos, que começam com R$ 9,90 por mês, e disponibilizam ao sócio vários benefícios e vantagens como ingressos gratuitos, sorteios, descontos em produtos oficiais do clube, carteirinha e certificado de sócio. O Sócio Torcedor terá ainda descontos em academias, em restaurantes, lojas e conveniencias, clínicas de saúde e postos de combustíveis. Ao todo, são mais de 60 empresas filiadas.

Ainda segundo o presidente, o clube continua sem patrocínio master e sem apoio da prefeitura da Capital. “Campo Grande é uma cidade de quase 1 milhão de habitantes e seu prefeito não dá a mínima para o futebol”, relatou.

O Operário terá um orçamento médio mensal de R$ 130 mil e com apoio da prefeitura de Terenos, irá treinar no município vizinho. O Governo do Estado, por meio de um projeto da Fundesporte, dá contrapartida com custeio de viagem, hospedagem e alimentação em jogos fora de casa.

Treinando já desde o ano passado, o Operário retoma as atividades no período da tarde de hoje em preparação para a primeira partida do campeonato no dia 17 deste mês, às 20h10, no estádio Morenão, contra o União/ABC.