Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CULTURA

Mostra Cinema Boliviano é aberto na próxima segunda-feira

Programação no CineMIS vai de 17 a 21 de agosto de 2015
16/08/2015 03:00 - Da redação


 

A abertura da Mostra Cinema Boliviano do CineMIS, realizado pelo Museu da Imagem e do Som de Mato Grosso do Sul (MIS de MS), acontece na próxima segunda-feira (17). As exibições serão sempre às 19 horas e na terceira semana de cada mês, com temas diversos e abrangentes. 

Neste mês, o CineMIS sediará novamente a Mostra Cinema Boliviano em parceria com o Grupo Folclórico Boliviano T´ikay e Associação de Professores de Espanhol de Mato Grosso do Sul, Suzana Mancilla Barreda (UFMS/CPAN) e Grupo Masis Brasil.

A 4ª edição do CineMIS Mostra Cinema Boliviano  é em comemoração aos dez anos de evento cultural praça Bolívia. Inaugurada em 2005 a iniciativa persiste graças aos residentes bolivianos e do grupo musical Masis-Brasil, apoiados pelo então consul boliviano Antonio Mariaca. As atividades culturais contam ainda com o trabalho desenvolvido pelo grupo folclórico boliviano T'ikay, Masis Brasil e a curadoria da professora Suzana Mancilla.

A programação no CineMIS vai de 17 a 21 de agosto de 2015 sendo exibidos dois longas, dias 17 e 18, uma seleção de curtas no dia 20, e apresentações e palestras sobre dança e música boliviana nos dias 19 e 21. As atividades começam às 19h e serão realizadas no Museu da Imagem e do Som de MS, sito à Av. Fernando Corrêa da Costa, 559, Memorial da Cultura, 3º andar.

A Mostra Cinema Boliviano desse ano tem a proposta de reprisar as produções de maior sucesso nos últimos anos e curtas inéditos como: “Histórias Contaminadas” em categoria melhor animação, prêmio em Nova Work, Festival de filmes das Américas.
 
Os filmes exibidos serão “Los Andes que no creen em Dios” (2007), “Escríbeme – Postales a Copacabana” (2009) e os Curtas:, “Origen de la Quinua - Mito aymara” (2014), “A Avó Grilo: O mito da dona da água” (2010) e “Historias Contaminadas” (2014).


As apresentações de música e dança, realizadas nos dias 19 e 21 de agosto com o Grupo Masis Brasil que sugerem uma proposta sobre apresentação de gêneros musicais originários na Cordilhera dos Andes, a música Andina mas precisamente a boliviana, apreciação musical comentada, assim como demonstração de vestuário e apresentação de danças folclóricas.

O Grupo T´ikay reforça o convite para o grande público, que terão a oportunidade de assistir em idioma original a esta Mostra significativa do ponto de vista cultural, uma vez que, nas palavras de uma de suas organizadoras, Ingra Padilha, a Mostra Cinema Boliviano do CineMIS de Agosto tem como principal objetivo “a apresentação de filmes bolivianos que promovem e provoquem discussões diversas sobre os temas apresentados”. Todas as sessões são gratuitas, têm início às 19 horas e exibirão os filmes em idioma original e com legendas em espanhol. 

As exibições acontecem nos dias 17, 18 e 20 de agosto de 2015 (segunda, terça e quinta-feira), as apresentações culturais nos dias 19 e 21 de agosto sempre às 19 horas e são gratuitas. O Museu da Imagem e do Som fica no Memorial da Cultura, na Avenida Fernando Correa da Costa, 559, 3º andar.

Felpuda


Como era de se esperar, as pesquisas mexeram nos ânimos de candidatos, principalmente daqueles que apareceram com índices pífios.

E assim, muitos deles certamente darão novo rumo às suas campanhas eleitorais.

A maioria, é claro, tenta mostrar otimismo, e o que mais se ouve por aí é que “agora o momento será de virada”.

Como disse atento e irônico observador: “Tem gente por aí que poderá virar, sim. Mas virar gozação!”. Ui...