Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

EUA

Atirador de cinema é condenado à prisão perpétua

Atirador de cinema é condenado à prisão perpétua
08/08/2015 05:00 - BAND


 

Sem conseguir chegar a um veredicto unânime sobre a pena capital para James Holmes, o jovem que matou 12 pessoas ao entrar atirando em um cinema de Aurora (Colorado, EUA), em 2012, um júri popular decidiu condenar o réu à prisão perpétua, sem direito à condicional.

Depois de sete horas de deliberações entre a quinta e a sexta-feira desta semana, os jurados - nove mulheres e cinco homens - ouviram os pedidos de clemência da defesa do acusado, que alegou que seu cliente sofre de problemas mentais.

A sentença será proferida formalmente pelo juiz em uma audiência posterior, mas o júri tomou sua decisão a respeito das 12 acusações contra o réu.

"Nós, do júri, não temos um veredicto final unânime sobre esta pena e entendemos que a corte vai impor uma sentença de prisão perpétua sem a possibilidade de condicional", diz o comunicado dos jurados.

Felpuda


Partido político está vivendo processo de autofagia cá por essas bandas. Nada de ideologia ou defesa dos interesses dos filiados. O problema, segundo os mais observadores, é que lideranças não se contentaram em ter cada uma o seu pedaço e decidiram tomar conta com exclusividade do espólio, que, aliás, é regado com cifras milionárias. A legenda deverá se transformarem uma máquina de lavar, no caso, cheia de roupas sujas. E dê-lhe!