Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

METEOROLOGIA

Agosto termina com temperatura recorde na Capital e setembro será de mais calor

Campo Grande registrou 36°C nesta segunda; mesma temperatura está prevista para quinta
31/08/2015 16:40 - Glaucea Vaccari


 

O mês de agosto termina com a maior temperatura registrada durante o inverno em Campo Grande até o momento. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), os termômetros atingiram 36°C durante a tarde, com umidade relativa de 17%. A máxima registrada no mês era de 34,4°C, segundo o Centro de Monitoramento de Tempo, do Clima e dos Recursos Hídricos (Cemtec).

De acordo com o Inmet, o mês de setembro também deve começar com calor e tempo seco, com temperaturas próximas dos 40°C em Mato Grosso do Sul, sem previsão de chuva para a primeira semana.

Segundo o Instituto, nesta terça-feira (1º) o dia deve ter céu com poucas nuvens e predomínio de sol. O órgão emitiu um alerta de perigo potencial de baixa umidade, que podem ficar abaixo de 20%, e de perigo de incêndio florestal, devido ao calor e tempo seco.

Em Campo Grande, os termômetros oscilam entre 22°C e 35°C, com sol e névoa seca. As maiores temperaturas devem ser registradas nos municípios da região do Pantanal e no norte do estado. Porto Murtinho e Rio Verde de Mato Grosso devem registrar temperaturas entre 21°C e 38°C.

Em Campo Grande as médias históricas (ou normais climatológicas) de chuvas para os meses de junho, julho, agosto e setembro, são, respectivamente: 37,7 mm, 41 mm, 31,4 mm e 73,9 mm. No arquivo anexo há médias históricas para outros municípios de MS.

A previsão deve se manter a mesma para toda a semana, porém, a partir de quinta-feira (3), as temperaturas voltam a subir. Na sexta-feira, há previsão de 40°C para Corumbá, com mínima de 24°C.

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...