Cidades

Política

Alckmin evita se posicionar favoravelmente à saída de Dilma

Alckmin evita se posicionar favoravelmente à saída de Dilma

FOLHAPRESS

11/08/2015 - 09h19
Continue lendo...

O governado de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), evitou nesta segunda-feira (10) se posicionar favoravelmente à saída de Dilma Rousseff (PT) da Presidência da República.
Perguntado sobre o que acha melhor para o Brasil -cassação, renúncia ou continuidade-, Alckmin afirmou que "não devemos tirar o foco da investigação" do escândalo na Petrobras.
"O importante é investigar, investigar, investigar e cumprir a Constituição", disse.

O governador acrescentou que o Brasil encontra-se em um "círculo vicioso". "A crise política atrapalha a economia, e a economia atrapalha a crise política", argumentou.

"Eduardo Campos dizia que a gente não deve ter intimidade com a crise, ou seja, crise é para resolver rápido", concluiu. O governador participou de evento organizado pelo Lide (Grupo de Líderes Empresariais) em São Paulo. Mais cedo, esteve em uma homenagem a Campos em Recife (PE).

Os caciques do PSDB estão divididos sobre qual a melhor saída para a crise. Aliados de Alckmin avaliam que ele tem mais chances de disputar a presidência em 2018 se o atual governo chegar até 2018 -seja com com Dilma ou com o vice, Michel Temer (PMDB).

"A questão da nova eleição depende do TSE (Tribunal Superior Eleitoral), essa hipótese não é de vontade", disse, em alusão à possibilidade de que a chapa Dilma-Temer seja cassada e de novas eleições serem convocadas -desfecho que mais apetece ao grupo ligado ao senador tucano Aécio Neves.

"Em relação a impeachment, hoje não há nenhum pedido [para ser votado]", afirmou Alckmin. Em Pernambuco, o governador já havia dito que a "questão do impeachment não está colocada" e, assim como Aécio, criticou o governo por "terceirizar a crise".

Já existem mais de dez petições pelo impedimento da presidente Dilma. Os pedidos, que estavam arquivados, foram tirados da gaveta no mês passado pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB), após vir à tona a acusação de que ele recebeu US$ 5 milhões de propina no petrolão.

Previsão do tempo

Confira a previsão do tempo para hoje (18) em Campo Grande e demais regiões de Mato Grosso do Sul

Calor continua se aproximando

18/07/2024 04h30

Céu com nuvens

Céu com nuvens Marcelo Victor / Correio do Estado

Continue Lendo...

Nesta quinta-feira (18), o tempo é estável, com sol e variação de nebulosidade e temperaturas em elevação. Os índices de umidade relativa do ar ficam baixos, com valores entre 15% e 35%.

Durante a noite e ao amanhecer, as temperaturas mínimas permanecem mais amenas porém, ao longo do dia, as temperaturas máximas estarão em gradativa elevação. Não se descarta a possibilidade para a formação de nevoeiro e/ou neblinas.

Os ventos estarão bem variáveis atuando entre o quadrante sul, leste e norte com valores entre 30 km/h e 50 km/h. Pontualmente, podem ocorrer rajadas de vento acima de 50 km/h.

Confira abaixo a previsão do tempo para cada região do estado:

Para Campo Grande, estão previstas temperatura mínima de 16°C e máxima de 29°C. 

A região do Pantanal deve registrar temperaturas entre 16°C e 32°C. 

Em Porto Murtinho é esperada a mínima de 16°C e a máxima de 31°C. 

O Norte do estado deve registrar temperatura mínima de 14°C e máxima de 31°C.

As cidades da região do Bolsão, no leste do estado, terão temperaturas entre 14°C e 29°C. 

Anaurilândia terá mínima de 14°C e máxima de 29°C. 

A região da Grande Dourados deve registrar mínima de 13°C e máxima de 28°C. 

Estão previstas para Ponta Porã temperaturas entre 14°C e 24°C. 

Já a região de Iguatemi terá temperatura mínima de 14°C e máxima de 26°C. 

Assine o Correio do Estado

BR-262

Polícia Federal encontra carga de cocaína em cilindros de oxigênio

Os entorpecentes estavam sendo transportados escondidos dentro de tanques de oxigênio. A apreensão aconteceu próximo ao município de Terenos

17/07/2024 18h30

Carga de cocaína era transporada dentro de cilindros de oxigênio

Carga de cocaína era transporada dentro de cilindros de oxigênio Divulgação/ Polícia Federal

Continue Lendo...

Agentes da Polícia Federal (PF) encontraram, na madrugada desta quarta-feira (17), uma grande quantidade de cocaína sendo transportada dentro de cilindros de oxigênio, na BR-262, próximo à região de Terenos, a 31 quilômetros de Campo Grande.

O flagrante aconteceu durante uma fiscalização, quando os policiais deram sinal de parada ao caminhão que transportava um tanque de peixe e 10 cilindros de oxigênio. Durante a abordagem, o motorista demonstrou nervosismo, omitindo informações e fornecendo dados equivocados sobre sua viagem.

Diante da situação, o caminhão, a carga e o motorista foram conduzidos à Superintendência Regional de Polícia Federal em Campo Grande, onde foi realizada uma vistoria minuciosa no veículo e nos cilindros.

Para auxiliar na vistoria, os policiais contaram com o apoio de cães do Batalhão de Choque para localizar os entorpecentes. Durante a inspeção, os tanques de oxigênio foram perfurados com equipamentos especializados, e os entorpecentes foram encontrados. A quantidade de cocaína não foi divulgada pela Polícia Federal.

Ainda de acordo com a Polícia Federal, os trabalhos de contagem da cocaína e a estimativa dos valores que seriam revendidos no país estão em andamento.

Carga de cocaína era transporada dentro de cilindros de oxigênio Divulgação/ Polícia Federal 


Mais apreensões de cocaína 

Em outra região da BR-262, próximo ao município de Anastácio, a 137 quilômetros de Campo Grande, agentes do Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado (DRACCO) encontraram cocaína avaliada em mais de R$ 3 milhões dentro do estepe de uma Mercedes Benz.

De acordo com a polícia, o condutor, cuja identidade não foi revelada, foi abordado enquanto transitava pela rodovia. Durante a vistoria no veículo, os policiais encontraram 62 quilos de uma substância branca em pó, análoga à cocaína, escondidos no pneu de estepe da Mercedes Benz.

De acordo com a polícia, a cocaína apreendida é avaliada em R$ 3.100.000,00.

O motorista recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzido à Delegacia de Polícia de Anastácio, onde permanece à disposição da Justiça.

Carga de cocaína era transporada dentro de cilindros de oxigênio A cocaína foi encontrada dentro de estepes da Mercedes Benz/ PCMS/ Divulgação 

Assine o Correio do Estado 

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).