Artigos e Opinião

OPINIÃO

Maria Luiza Azzallini Medeiros: "Contra fatos, não há argumentos"

Professora

Redação

22/12/2015 - 00h00
Continue lendo...

Bolivarianos falam tanto em democracia brasileira, quanta desfaçatez! Só agora estão preocupados com programas sociais e as oposições é que são culpadas por toda essa situação em que o país está mergulhado ?, propinas são extensivas para todos os lados, discursos distorcidos, mentiras deslavadas e inversão de valores de toda natureza permeiam parte significativa da sociedade já corrompida e mergulhada nas cinco formas de analfabetismos vigentes no país:  absoluto, funcional, histórico, financeiro e político principalmente.

A crise política e econômica é profunda, o deficit nominal já atingiu 10% aproximadamente do PIB, caminhando para seus desequilíbrios, e o Foro de São Paulo?  parte da imprensa séria não vai informar a população sobre ele? a omissão, a hipocrisia  e o silêncio intencional só atrapalham o desenvolvimento do país, já perdemos R$ 120 bilhões no rombo das pedaladas fiscais, com uma contabilidade criativa.  Os brasileiros conscientes percebem a apatia no Congresso para a solução e as mudanças políticas radicais que o  país precisa, com essa recessão que já contaminou o país inteiro e só se veem balcões de negócios e suas defesas a tiracolo, lavagem de dinheiro gigantesca encrustada nas tantas máfias, aprovar as tais metas fiscais é concordar com toda corrupção corporativista existente em parte das instituições sem o temor em afrontar a lei pelo resultado esperado, triste é ver a utilização de itens do Maquiavel contaminando parte da política brasileira, a crise econômica brasileira tem origem nos governos perdulários com seus poderes inchados e pesados e também em parcela do Congresso.

Só no 3º trimestre já houve a queda de 1,7% do PIB com todos os seus desperdícios, estamos preocupados com as manobras estratégicas sujas de articulação para arrefecer os ânimos no momento crucial que estamos atravessando, tudo que aconteceu e está acontecendo em nosso país nada é de democrático, com essa política econômica errática e o seu pacote recessivo, a defesa e o desenvolvimento deve caminhar paralelamente, a corrupção corporativista com tantas máfias se expandem pelo país afora assim como também o tráfico de influência nos poderes destroem o nosso desenvolvimento e os valores de nossa sociedade, a taxa de desemprego já atinge 18%, parlamentares não nos deixem (brasileiros  conscientes) sós!. 

A votação do PLN5/15 foi a mais evidente afronta à vontade popular pois avaliza a continuidade das decisões distorcidas de parcela da política brasileira, essa sim é  deselegância com os brasileiros conscientes, que não querem mais esse populismo do atraso, o Brasil não precisa de ajuste fiscal com  discursos distorcidos, esse bolivarianismo que acusa os seus pares de golpistas e tem sentimentos primitivos é o mesmo que pediu impeachment dos governos em 94,99 e que segue os itens do decálogo de Lenin, os papagaios corneteiros perderam a ética e a vergonha, desconsideram os brasileiros conscientes e enganam e manipulam os inconscientes, como esses bilhões das pedaladas fiscais escaparam dos olhos do BC e chegaram aonde chegaram?  são incontestáveis as pedaladas fiscais em 2015, foram mais de R$ 3 bilhões, os artigos 85 e 89 da Constituição Federal são claros e evidentes na sua interpretação, alguns ainda têm a intenção sutil de modificar a Constituição Federal para maquiar os desmandos políticos e econômicos, só as fraudes do CARF chegam a R$ 19 bilhões na devastação da recessão econômica, até onde vamos chegar nas incoerências ?

A vulnerabilidade das regiões da sede está explícita no voto de cabresto e na mediocridade em que está mergulhada parcela da população dos subúrbios e dos sertões, se não há crime no descumprimento das metas fiscais e do controle dos gastos públicos,  então que se deixe pra ver o que ocorrerá, haverá a falência e  a nação vai à bancarrota, desavergonhados são alguns discursos que ouvimos, tamanha desfaçatez das manobras imorais querendo jogar tudo para debaixo do tapete, quando um cidadão comum se apropria indevidamente de uma banana logo é punido severamente, mas em se tratando de desvios de bilhões de reais principalmente da nação, aí então há tanto acobertamento e desculpas esfarrapadas, são dois pesos e duas medidas? 

Com tanta engenharia política há até elogios de um poder a outro para criar as bases, que vergonha! brinca-se com a boa fé dos brasileiros conscientes, montante de bilhões de reais vêm das graves omissões que não viu e não sabe de nada, chega de demagogias e distorções em discursos, a verdade para o bolivarianismo é só a dele, que atribui ódio aos seus adversários políticos, mas é sobretudo revanchista, um país que está em dificuldades como o nosso porque tem um número excessivo de embaixadas em países de pouca expressão, será que é para reuniões não tão abertas e festas?, a moralidade da representação política chegou no momento das investigações da falta de ética, já com um nível elevado de incertezas de futuro temos todos que enxergar o elefante na sala nessa altura do campeonato. 

ARTIGOS

O futuro é a biotecnologia

18/06/2024 07h30

Continue Lendo...

Vacinas, tratamento de áreas após derramamento de óleo, produção de medicamentos, modificação genética de vetores de doenças. Por trás de todas essas questões vitais para a sociedade contemporânea existe um denominador comum: a biotecnologia. Muito mais do que desafiar as leis da natureza, o bom uso de técnicas, procedimentos e métodos tecnológicos voltados aos seres vivos pode trazer imensos benefícios para a humanidade e o planeta.

Há, ainda, um desconhecimento generalizado sobre o que é a biotecnologia e suas muitas possibilidades de aplicação. Biotecnologia é utilizar quaisquer seres vivos para ajudar o ser humano. Sejam microrganismos, fungos, plantas, animais ou qualquer coisa derivada desses seres. Os produtos derivados de microrganismos já acompanham a civilização há mais de 12 mil anos, em forma de pão, vinho e cerveja, por exemplo. Esses três produtos são fruto da ação de leveduras, microrganismos que fazem com que a matéria fermente.

Embora tenha sido apenas em 1665 que o primeiro microscópio foi desenvolvido, o homem já dominava a panificação e a produção de bebidas muitos milênios antes. Depois disso, temos a descoberta da vacina, por volta de 1750, a descoberta da pasteurização, por volta de 1850 e a descoberta dos antibióticos, por volta de 1930. Todos esses produtos e processos revolucionaram a vida humana.

Mas e no contexto atual, como a biotecnologia pode nos ajudar? Recentemente tivemos dois exemplos claros: a vacina e os kits de diagnóstico rápido para Covid-19, um enorme e rápido sucesso de pesquisa. No entanto, além da área da saúde, a biotecnologia pode atuar na área alimentar, com probióticos e alimentos fermentados, na agricultura, com biopesticidas e biofertilizantes, na área de energia, com etanol e biodiesel, no meio ambiente, com tratamento de efluentes e biorremediação, na estética, com aromas e corantes, enfim.

As possibilidades são quase infinitas. Por muito tempo, os microrganismos foram somente associados a doenças e patógenos, levando a um preconceito muito grande contra bactérias e fungos. Mas existe uma grande porcentagem deles que é benéfica ao ser humano e até necessária para a vida na Terra. Se utilizados da maneira correta, os microrganismos são ferramentas fantásticas para atender a uma ampla gama de necessidades humanas.

Quando falamos sobre mudanças climáticas e todas as evidências de que o modo de vida contemporâneo não pode ser mantido se quisermos continuar vivendo com relativa tranquilidade neste planeta, a resposta é justamente a biotecnologia. Ela é uma alternativa muito mais sustentável e ecológica para problemas comuns ao cotidiano das pessoas do que os atualmente usados reagentes químicos e derivados do petróleo.

Se pensarmos em questões como o desenvolvimento de materiais de construção na engenharia civil ou o desenvolvimento de motores na engenharia mecânica, são tecnologias muito bem consolidadas que possuem consideravelmente poucas possibilidades de inovação. A biotecnologia, por sua vez, explorou até agora apenas de 30% a 40% do seu potencial. Isso porque a porcentagem de microrganismos que foram descobertos e cultivados em relação ao total existente ainda é muito pequena, e também porque ainda sabemos muito pouco sobre para que serve cada parte do material genético. Ou seja, ainda há muito para onde crescer.

Hoje em dia, graças à técnica de DNA recombinante, é possível inserir material de outros seres vivos em microrganismos para produzir algo, como aconteceu com a insulina, que passou a ser totalmente produzida por bactérias. Se ainda há uma grande porcentagem do material genético e de microrganismos que nós não conhecemos, existe a possibilidade de descobrirmos ou desenvolvermos uma bactéria capaz de curar o câncer, ou um fungo capaz de degradar plásticos, ou uma alga capaz de produzir combustíveis potentes, ou qualquer outro microrganismo capaz das mais diversas ações em prol do ser humano.

E tudo isso causando muito menos impacto para o ambiente, pois microrganismos são alternativas naturais menos agressivas e que geram muito menos poluentes que o petróleo, por exemplo, favorecendo a recuperação do ambiente. Com certeza esse futuro está mais próximo do que imaginamos, especialmente com o avanço tecnológico que tivemos nos últimos anos.

ARTIGOS

Caminhos da vida

15/06/2024 07h30

Continue Lendo...

Nesse momento os mais diversos caminhos estão disponíveis a quem desejar descobrir certos segredos da natureza, encontrará caminho aberto e disponível. A alegria certamente se manifestará em sua grandeza e beleza. E a natureza se tornará mais fecunda e mais forte em suas manifestações.

Humildemente em suas manifestações e rica em lições mostrará ao ser humano o quanto é nobre qualquer gesto feito com amor. E a natureza é exemplo claro disso. Mostra toda a sua generosidade produzindo flores de todos os tamanhos, cores, perfumes e coloridos na mais nobre qualidade. Cada qual em seu lugar, sem interferir, sem abusar, sem brigar por um lugar ao sol.

Esse é o milagre permanente que essa natureza oferece para poetas, para literatos, para espiritualistas, para monges. Enfim para todos aqueles e aquelas que se sentirem apaixonados por essa irmã natureza. 

Não precisa ir longe. Em qualquer montanha, em qualquer planície, ou qualquer recanto desse mundo de Deus, é possível dar de encontro com algo que revele as maravilhas dessa natureza, criatura de Deus.

Seja qual for a maneira de olhar essa natureza, seja como for a interpretação dos sinais e das manifestações de uma flor, de uma singela semente, seja de um exuberante tronco, ou de uma frágil plantinha. Tudo fala, tudo revela algum valor. Tudo oferece seu modo de ser em auxílio  à humanidade.

O Mestre dos mestres, sempre atento às manifestações de suas obras em favor do bem do universo, vem nos revelar o quanto é nobre no servir, o quanto é forte ao sustentar sua alegria e o quanto é dedicado em proteger a todos aqueles e aquelas que perambulam pelos caminhos da vida.

Revela, com todo o carinho de um pai, o quanto Deus ama aquilo que faz parte de sua pessoa. Revela o ser humano como aquele que semeia a boa semente. E, após ter semeado, fica descansando. Deus cuida. Não precisa preocupar. A semente desabrocha. A chuva rega a terra. A semente se desenvolve e cresce.

Quando os frutos amadurecerem, o agricultor fará a colheita. Essas maravilhas se encontram escondidas no interior de qualquer árvore ou arbusto a produzir. Essas maravilhas são presentes de Deus. Estão à disposição de todos.

Essas maravilhas são tão ricas que chegam a despertar exclamações que enaltecem com elogios como esses: Que beleza! Que encanto! De fato, o encanto só poderá ser expressão de que ama e defende a mãe natureza com suas maravilhas.

Quando à figura de Deus, também deverá ser admirada, ou respeitada, pelas maravilhas semeadas pelos campos do universo. Não apenas para serem contempladas. Mas, principalmente aproveitadas no sustento de uma vida mais saudável e mais nobre. Sempre merece atenção, respeito e empenho no zelo dessas grandezas.

Mesmo que tudo isso se manifeste gratuitamente, é bom olhar com os olhos da fé o quanto o Criador ama suas criaturas. Enquanto elas dormem, ele trabalha. Enquanto elas descansam, ele vigia. E prepara novas sementes.

Assine o Correio do Estado

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).