Clique aqui e veja as últimas notícias!

ANO LETIVO

Com formato híbrido escolas particulares retornam as aulas nesta segunda-feira

Escolas privadas definiram o retorno presencial das aulas junto dos pais
01/02/2021 13:15 - Beatriz Magalhães


O retorno das aulas na rede privada de ensino teve início nesta segunda-feira, 01, em Campo Grande. Pais, alunos e escolas se organizaram para um retorno em meio a pandemia da Covid-19. 

Muitas instituições aderiram ao formato híbrido de ensino, onde há aulas tanto presenciais quanto on-line. A decisão do retorno presencial foi tomado junto aos pais que por meio de um termo de responsabilidade, permitiram e concordaram com o retorno.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

É o caso da servidora pública, Valdineia Santos. Com uma filha de 12 anos que está no 8º ano, Valdineia disse o retorno é difícil, mas, necessário. “Esperamos que tudo dê certo. Estamos tomando todas as medidas de segurança, a escola nos deixou seguros ao apresentar as medidas que serão tomadas, nos deixou seguros”, afirma a mãe na porta de uma das escolas particulares da Capital enquanto aguardava o horário de liberação da filha.

Para evitar o tumulto as escolas defiram escalar para a liberação dos alunos, o que deve evitar a aglomeração na porta da escola, tanto pelos pais quanto pelos alunos que aguardam a saída.

“Eu participei da decisão, assinei um documento concordando com a aula presencial e me responsabilizando, até porque é minha responsabilidade também. A escola tem seu papel e eu tenho o meu”, coloca Valdineia.

Caroline Costa é publicitária e mãe da valentina, de seis anos, que entrou agora para o segundo ano do ensino fundamental. De acordo com a mãe o período sem aulas foi desafiador. 

“Me esforcei para que o efeito de perda fosse minimizado, de forma que ela recebesse o conteúdo realizando os exercícios e atividades on-line, mas sei que na mesma intensidade e reforço de repetição da escola não foi possível”, testemunhou.

Hoje a valentina voltou para a escola depois de um longo período sem aula presencial e de acordo com a Caroline a escola diminuiu o número de vagas, o que resulta em um número menor de alunos por sala. 

Desse modo não haverá dias intercalados, como havia sido previsto, seguindo então com as medidas de biossegurança  para a proteção contra a infecção da Covid-19.

“A orientação da própria escola é para uso de máscara por todo tempo, tendo duas máscaras reservas, cada um com o seu álcool em gel, então me fiz reforçar todos esses pontos”, finalizou a publicitária.

Assine o Correio do Estado.