Cidades
REDE SOCIAL

Bolsonaro chama Elon Musk de 'mito da liberdade'

Musk anunciou no fim de abril a intenção de comprar o Twitter

FOLHAPRESS

20/05/2022 13:20

O presidente Jair Bolsonaro (PL) chamou o bilionário Elon Musk de mito da liberdade em um breve discurso que fez ao lado dele durante evento no hotel Fasano Boa Vista, em Porto Feliz (SP).

"A compra do Twitter para nós aqui foi como um sopro de esperança", afirmou o presidente, emendando que a "liberdade é a semente do futuro".

Musk anunciou no fim de abril a intenção de comprar a rede social por US$ 44 bilhões (R$ 216,4 bilhões). A negociação animou grupos de extrema-direita, mais penalizados na plataforma por disseminarem conteúdo falso em relação à saúde pública (como em vários episódios da vacina contra a Covid-19) e a processos eleitorais.

Bolsonaro também disse que a intenção de Musk para conectar a Amazônia com internet via satélite pode ajudar a mostrar a "realidade" sobre a região, referindo-se à preservação florestal, criticada durante seu mandato.

Ele citou o evangelho "conhecereis a verdade e a verdade os libertará".

Musk e Bolsonaro participaram de evento sobre conectividade na Amazônia, organizado por Fábio Faria, ministro das Comunicações.