Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BOLETIM

Brasil registra 90.134 mortos e 2,4 milhões de infectados por covid-19

Há 675.712 pacientes em acompanhamento e 1.787.419 já se recuperaram da doença
29/07/2020 19:00 - Agência Brasil


Conforme o Boletim Epidemiológico da covid-19, divulgado hoje (29) pelo Ministério da Saúde, o Brasil registrou 90.134 mortos pela doença desde o início da pandemia. A soma das pessoas infectadas desde o início da contagem atingiu 2.553.265. Nas últimas 24 horas, foram 70.074 novas notificações incorporadas no sistema do Ministério da Saúde. Ontem o total era de 2.483.191.

Há 675.712 pacientes em acompanhamento e 1.787.419 pessoas já se recuperaram da covid-19.

Foram 1.595 novos registros de mortes nas últimas 24h. O alto número se deveu à inclusão dos dados de São Paulo de ontem. No balanço divulgado pelo Ministério da Saúde ontem, o painel marcava 88.539 falecimentos.

ESTADOS

Os estados com mais mortes são São Paulo (21.676), Rio de Janeiro (13.033), Ceará (7.643), Pernambuco (6.484) e Pará (5.694). As Unidades da Federação com menos falecimentos pela pandemia são Mato Grosso do Sul (328), Tocantins (364), Roraima (493), Acre (510) e Amapá (449).

MUNDO

Os Estados Unidos notificaram 59.862 casos de covid-19 e 1 194 mortes pela doença nas últimas 24 horas, segundo o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês). O país registra um total de 4.339.997 milhões de contaminações e 148.866 mil mortes.

O Estado americano da Califórnia apontou uma nova alta no número diário de mortes por covid-19. O Departamento de Saúde Pública divulgou que 197 pessoas morreram pela doença nas últimas 24 horas. O governo californiano registrou desde o começo da pandemia um total de 466.550 contaminações e 8.518 mortes confirmadas no Estado.

A Espanha registrou 1.153 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas, um novo recorde de contaminações diárias registradas desde 06 de maio, quando o Departamento de saúde espanhol contabilizou 1.318 novos casos diários. O país chegou a 282.641 mil contaminações por covid-19 e 28.436 óbitos desde o começo da pandemia.

Na França, de acordo com os dados mais recentes da Agência Nacional de Saúde, foram registrados 1.392 novos casos de coronavírus nesta quarta-feira, representando o maior aumento diário de casos em mais de um mês no país, que desde o começo da pandemia foram registrados 183.804 mil contaminações e 30.223 mortes por covid-19.

Dados coletados pela Universidade Johns Hopkins mostram que, em todo o mundo, os casos de covid-19 ultrapassaram a marca de 16,8 milhões. Já as mortes são mais de 662 mil.

Ainda de acordo com a Johns Hopkins, países que registram maior número de infecções por covid-19 em números absolutos, após os EUA, são o Brasil (2.483.191), Índia (1.531.669), Rússia (827 509) e África do Sul (459.761).

 
 

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...