Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAPITAL

Campanha ultrapassa meta para idosos, mas ainda falta imunizar profissionais da saúde

Próxima etapa vai imunizar caminhoneiros e trabalhadores da segurança pública
14/04/2020 18:04 - Adriel Mattos


Prestes a se encerrar em Campo Grande, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe ultrapassou a meta de imunização de idosos. Por outro lado, 60% dos profissionais de saúde foram vacinados até agora.

Essa primeira fase da campanha, que termina na quarta-feira (15), tinha como meta vacinar cerca de 26 mil idosos e trabalhadores de saúde. O Ministério da Saúde antecipou a vacinação neste ano devido à pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Mesmo que essa vacina não imunize contra o vírus, o objetivo é facilitar os diagnósticos.

A prefeitura quer vacinar ainda pelo menos 90% dos trabalhadores da área da saúde. “No próximo balanço, que deve sair na semana que vem, já estarão os profissionais que trabalham nos hospitais, que devem aumentar significativamente esses dados, mas ainda assim, devido às circunstâncias, esperávamos uma procura maior”, explica a superintendente de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau), Veruska Lahdo.

Na segunda etapa, que começa na quinta-feira (16), além dos caminhoneiros,  doentes crônicos, profissionais das forças de segurança e salvamento, motoristas de transporte coletivo e portuários, além de detentos e adolescentes em medida socioeducativa. Neste grupo, não entram os taxistas e motoristas de aplicativo.

Professores da rede pública e privada, que estavam no grupo da segunda fase, vão ser vacinados na próxima etapa, que começa em 9 de maio. Além desses profissionais, serão imunizadas nesta etapa crianças de seis meses a menores de cinco anos, gestantes, puérperas, povos indígenas, adultos entre 55 a 59 anos de idade e pessoas com deficiência.

ESGOTADO

Em Campo Grande, as três primeiras remessas que a Secretaria de Estado de Saúde (SES) entregou esgotaram rapidamente. A campanha começou em 24 de março, com filas até mesmo em farmácias, estabelecimentos credenciados pela prefeitura para evitar aglomerações, mas que gerou grandes filas.

Na manhã de 25 de março, os dois lotes com 44,6 mil vacinas se esgotou. A prefeitura repôs o estoque após receber nova remessa de quase 40 mil doses no dia 30, que também se esgotou no dia seguinte.

 

Felpuda


Figurinha carimbada ganhou o apelido de “biruta”, instrumento que indica direção do vento e, por isso, muda constantemente. Dizem que a boa vontade até existente ficou no passado, e as reclamações são muitas, mas muitas mesmo, diante das decisões que vem tomando a cada mudança de humor do eleitorado. Como bem escreveu o poetinha Vinicius de Moraes: “Se foi pra desfazer, por que é que fez?”.