Clique aqui e veja as últimas notícias!

VACINAÇÃO COVID-19

Capital, Dourados e Três Lagoas são as cidades com maior quantitativo de doses da última remessa

Última remessa recebida pelo Estado conta com 13.200 doses da vacina CoronaVac e 22.500 da Astrazeneca
28/02/2021 13:20 - Ana Karla Flores


Campo Grande, Dourados e Três Lagoas são os municípios que receberam os maiores quantitativos de vacinas contra Covid-19 na última remessa entregue para Mato Grosso do Sul. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) aprovou, na última sexta-feira (26), a distribuição de 13.200 doses da vacina Coronavac e 22.500 da Astrazeneca para os 79 municípios do Estado.  

Segundo o documento publicado no Diário Oficial de Mato Grosso do Sul, Campo Grande recebeu 5.189 doses da CoronaVac e 7.950 da Astrazeneca. Dourados é a segunda cidade com maior número de imunizantes, com 1.301 doses da CoronaVac e 1.610 da vacina de Oxford.  

Últimas notícias

Em seguida estão Três Lagoas, Corumbá e Ponta Porã que receberam, respectivamente, 1.411, 1.306 e 1.061 doses, somando os dois imunizantes que foram disponibilizados.

De acordo com a Secretaria, 92% das doses da vacina CoronaVac deverão ser utilizadas para a continuidade da imunização de idosos de 80 anos ou mais, com foco na finalização da população de acamados.  

Além disso, mais 8% das doses do imunizante chines devem ser utilizadas para a continuidade dos trabalhadores de saúde acima de 60 anos.  

Todas as doses da Astrazeneca deverão ser utilizadas para a continuidade da imunização de idosos de 80 anos ou mais, com prioridade também dos acamados.

A SES detalha em nota, que as doses que sobrarem deverão ser empregadas para o início da segunda dose em idosos com 80 anos ou mais. No entanto, fica a critério de cada municípios iniciar a vacinação em idosos de 75 a 79 anos.

Além do quantitativo recebido na quinta remessa de imunizantes contra a Covdi-19, serão repassadas, por meio dos polos bases do Distrito Sanitário Especial Indígena de Mato Grosso do Sul (Dsei/MS), aos municípios que possuem população indígena aldeada, 13.848 doses da CoronaVac.  

As doses são remanescentes da campanha de vacinação do mesmo grupo populacional e serão utilizadas para dar continuidade à vacinação dos demais grupos prioritários.  

Vacinação em MS

Ao todo, Mato Grosso do Sul já recebeu 258.660 doses dos imunizantes Coronavac e Astrazeneca.

A primeira remessa foi entregue a Mato Grosso do Sul no dia 18 de janeiro, com 158.760 doses da Coronavac. Destas, 23.932 foram destinadas apenas para Campo Grande.

A segunda remessa foi no dia 24 do mesmo mês, quando 22 mil doses da vacina de Oxford chegaram ao Estado, 9.340 apenas para a Capital. A terceira remessa, com 10.200 doses da Coronavac, chegou no dia seguinte. Do total, Campo Grande recebeu 3.600 doses do imunizante chinês.

A quarta chegou no dia 7 de fevereiro, com 32 mil doses, que foram encaminhadas aos municípios para, além da primeira dose, fazer a segunda aplicação nas pessoas com mais de 80 anos que receberam a vacina Coronavac.

A quinta e última remessa chegou ao Estado no dia 24 de fevereiro, com 22 mil vacinas da AstraZeneca e outras 13 mil doses da Coronavac.  

De acordo com dados do Vacinômetro, até este domingo (28), 53,90% do público-alvo da primeira fase da campanha no Estado já recebeu a primeira dose do imunizante contra Covid-19. Ao todo, das 258.675 doses que chegaram ao Estado até agora, 160.315 foram aplicadas, 111.879 da primeira dose e 48.411 da segunda dose.