Clique aqui e veja as últimas notícias!

TEMPO

Chuva rápida com vendaval derruba árvore em carro e deixa casas sem energia

Mato Grosso do Sul está em alerta para tempestades nesta quinta-feira
03/12/2020 13:02 - Glaucea Vaccari , Rodrigo Almeida


Em alerta para tempestades, Campo Grande registrou chuva rápida, de menos de meia hora, com rajadas de ventos fortes no início da tarde desta quinta-feira (3). 

No Carandá bosque, árvore caiu sobre um carro que estava estacionado. Já no Aero Rancho, o vendaval causou danos na fiação elétrica e parte do bairro ficou sem energia. 

Acompanhe as últimas notícias

Na região sul da Capital, a chuva durou cerca de dez minutos, mas foi acompanhada de ventos fortes. Conforme dados da estação meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), ventos chegaram a quase 40 km/h.

No Carandá Bosque várias árvores caíram durante o vendaval. Uma delas caiu sobre um carro que estava estacionado na esquina da Avenida Antonio Teodorowick com a rotatória da Vitório Zeolla.

Proprietário do veículo, jornalista de 32 anos disse ao Correio do Estado que a chuva foi acompanhada de ventos fortes.

"Deu uma rajada super forte de vento aqui, não durou nem cinco minutos, e o galho partiu no meio", disse.

O veículo ficou preso embaixo dos galhos da árvore, que não era de grande porte. Não havia pessoas dentro do veículo no momento da queda da árvore e o prejuízo foi apenas material.

Também houve queda de árvores em trechos da Via Parque, sendo algumas no Parque do Sóter.

No Aero Rancho, durante a chuva rápida, moradores relataram ouvir uma explosão no transformador e parte do bairro ficou sem luz.

A chuva foi concentrada em regiões isoladas da Capital, não sendo registrada precipitações em diversas localidades.

Mato Grosso do Sul está com alerta vigente do Inmet para o perigo potencial de tempestades até às 23h desta quinta-feira.

Conforme o alerta, há risco de chuvas entre 20 e 30 mm/h, ventos intensos, entre 40 a 60 km/h e queda de granizo.

Previsão do Centro de Monitoramento do Tempo e do Clima (Cemtec) já apontavam que as áreas de instabilidade ganhariam mais força no Estado a partir de hoje, com previsão  de chuva para todas as regiões e previsão de temporais.

Devido a essas condições há risco de corte de energia elétrica, estragos em plantações, queda de árvores e de alagamentos.

Ontem, também houve chuva rápida em condições semelhantes, que em pouco tempo derrubou árvores sobre um carro, também estacionado.