Clique aqui e veja as últimas notícias!

BOLETIM

Campo Grande registra mais de 200 casos e Saúde diz que Covid está em expansão

Secretário estadual de Saúde disse que não há controle na Capital, rebatendo fala do prefeito
05/08/2020 14:58 - Glaucea Vaccari


Campo Grande continua sendo responsável pela maioria dos casos, com 245 novos registros e três mortes.

Segundo o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, isso demonstra que a curva está aumentando e a Capital está longe do controle, como afirmado pelo prefeito Marcos Trad, que disse ontem que a curva está diminuindo.

“A maioria de Campo grande mostra que a doença ainda é muito presente, tá em fluxo de expansão. Não temos ainda o controle efetivo, mas vamos conseguir com a participação ativa que estamos tendo da Secretária Municipal de Saúde, com essa colaboração muito estreita que estamos fazendo”, disse.

Conforme o boletim divulado hoje pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), além de Campo Grande, Sidrolândia é o segundo município com maiores confirmações, de 40, seguido por Corumbá (39) e Miranda (33).

O número de casos confirmados na doença chega a 28.315 no Estado, sendo 6.295 ativos e 22.020 recuperados.  

Quanto as mortes, foram 10 em um dia, com três em Campo Grande, e um óbito cada nas cidades de Naviraí, Aparecida do Taboado, Dois Irmãos do Buriti, Aquidauana, Sonora, Corumbá e Dourados.

Covid já matou 442 pessoas em Mato Grosso do Sul.

Quanto a ocupação dos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), taxa permanece alta, com 92% dos leitos já ocupados na macrorregião de Campo Grande, 86% em Corumbá, 56% em Dourados e 29% na macrorregião de Três Lagoas.

“Isso é alarmante, precisamos evitar esse número exagerado de internado se só vamos conseguir se a tarefa de responsabilidade de cada um for cumprida”, disse Geraldo.

Entre as medidas, além do distanciamento social e uso de máscaras pela população, ele destacou a necessidade das secretarias municipais de saúde realizarem o monitoramento dos casos positivos e o rastreamento dos contatos.