Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

OTIMIZAÇÃO

Confira as linhas de ônibus que serão extintas e que mudarão itinerários em Campo Grande

Pesquisa de origem e destino ouviu mais de 62 mil passageiros
04/02/2020 14:27 - FÁBIO ORUÊ


 

A partir desta quinta-feira (6), quatro linhas do transporte coletivo de Campo Grande serão extintas e outras 11 linhas terão alteração no itinerário ou horários. As alterações, segundo a Prefeitura do município, são para reduzir tempo de espera e o número de transbordo com ligações diretas bairro ao centro e também aumentar oferta de viagens. 

O Executivo Municipal, em parceria com o Consórcio Guaicurus, promoveu entre os meses de novembro e dezembro uma pesquisa de Origem e Destino com mais de 62 mil pessoas para otimizar o tempo de viagem dos passageiros e aumentar a frequência de ônibus.

As entrevistas consistiram na contagem de embarques e desembarques no interior de todos os terminais e ao longo dos itinerários das linhas troncais e alimentadoras. Realizou-se também pesquisa de origem e destino com os clientes embarcados e desembarcados utilizando-se de senhas para identificação da coordenada geográfica embarque/ desembarque definindo a origem e o destino, com aparelhos GPS.

Os bairros Paulo Coelho Machado, Los Angeles, Centro-Oeste, Marajoara, Vespasiano Martins, Canguru, Uirapuru e Bálsamo serão os primeiros a se beneficiar das melhorias que serão implementadas.

De acordo com o diretor presidente da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran), este trabalho permitiu aos técnicos obter um raio-x completo do Sistema Municipal de Transporte Coletivo (SMTC).

“Embasamos mudanças relevantes, que permitirão otimizar toda a infraestrutura existente, para garantir aos mais de 8 milhões de passageiros mensais transportados mais agilidade, conforto e economia de tempo entre as viagens”, frisou. 

As mudanças foram pensadas após o processamento de todos os dados, em softwares especializados, e o cruzamento com os dados da Pesquisa O/D anteriormente entregue pelo Consórcio Guaicurus à Prefeitura.

LINHAS ALTERADAS

075 – Guaicurus/ Terminal Gal. Osório via Term. Hércules Maymone – passa a operar direto pela Rua Ceará, de segunda a sexta das 5h00 às 19h00, aos sábados das 5h00 às 14h00, não integrando no Term. Morenão;

089 – Guaicurus Expresso – mantém itinerário com operação compartilhada com as novas linhas 114 e 116;

105 – Paulo Coelho Machado – passa a operar em sentido único, de segunda a domingo, em tempo integral;

107 – Centro Oeste/ Bálsamo – incorporou a linha 113;

108 – Los Angeles / Guaicurus – passa a operar de segunda a sexta após às 19h00, sábados após às 14h00, domingos e feriados em tempo integral;

109 – Vespasiano Martins / Uirapuru – opera de segunda a domingo em sentido único em tempo integral;

114 – Paulo Coelho Machado / Centro via Term. Guaicurus – vai operar de segunda a sexta das 5h00 às 19h00, aos sábados das 5h00 às 14h00, e a partir do Term. Guaicurus tem o mesmo itinerário Expresso da linha 089;

116 – Los Angeles/ Centro via Term. Guaicurus – vai operar de segunda a sexta das 5h00 às 19h00, aos sábados das 5h00 às 14h00, e a partir do Term. Guaicurus tem o mesmo itinerário Expresso da linha 089;

117 – Ramez Tebet/ Cohab – incorporou a linha 106 e opera todos os dias em tempo integral;

141 – Paulo Coelho Machado / Term. Guaicurus via Rua Catiguá – vai operar de segunda à sexta após as 19h00, sábados após às 14h00, domingos e feriados em tempo integral;

518 – Vivendas do Parque / Term. Hércules Maymone – incorporou parte do itinerário da linha 075 todos os dias em tempo integral.

LINHAS EXTINTAS

077 – Bandeirantes/ Shopping Campo Grande - Expresso - Será incorporada pela linha 070;

088 – Guaicurus/ Shopping Campo Grande - Será incorporada pela linha 061;

106 – Universitária II - Será incorporada pela linha 117;

113 – Centro Oeste/ Bálsamo - Será incorporada pela linha 107.

*Matéria alterada às 18h23 para correção de informação.

 

Felpuda


Alguns pré-candidatos que estão de olho em uma cadeira de vereador vêm apostando apenas nas redes sociais, esperançosos na conquistados votos suficientes para se elegerem. A maioria pede apoio financeiro para continuar mantendo suas respectivas páginas, frisando que não aceita dinheiro público ou de político, fazendo com que alguns se lembrem daquela famosa marchinha de carnaval: “Ei, você aí, me dá um dinheiro aí, me dá um dinheiro aí...”. Como diria vovó: “Essa gente perdeu o rumo e o prumo”.