Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPO GRANDE

Conselho pede à Justiça 150 contratações de profissionais da enfermagem para HRMS

Unidade convocou médicos e outros profissionais para tratar casos de coronavírus
19/03/2020 17:44 - Adriel Mattos


 

O Conselho Regional de Enfermagem de Mato Grosso do Sul (Coren/MS) protocolou petição em uma ação civil pública da Justiça Federal pedindo a contratação de 100 técnicos de enfermagem e 50 enfermeiros para o Hospital Regional Rosa Pedrossian (HRMS). A ação tramita na 4ª Vara Federal de Campo Grande desde julho de 2019.

Consta nos autos do processo relatórios de fiscalização datados de 2017 a 2019, que apontam a necessidade de contratação do total de 454 profissionais de enfermagem. Hoje, a unidade anunciou a convocação de oito médicos e 20 enfermeiros, além de anunciar a seleção de 20 médicos e 70 profissionais de enfermagem, em decorrência da pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus.

O pedido enviado à Justiça destaca ainda a falta de equipamentos de proteção individual (EPIs). O Coren-MS está orientando aos profissionais do HRMS e de todo o estado a formalizarem denúncia sobre a falta de EPIs em seu local de trabalho, se houver.

“Com a pandemia de Covid-19 o quadro de déficit se agravou imensamente, haja vista que o referido hospital foi designado pela Secretaria de Saúde estadual como referência no atendimento a pacientes com suspeita de contágio pelo terrível vírus, o que fez aumentar sobremaneira o fluxo de atendimentos”, diz a petição. 

 

Felpuda


Pré-candidato a prefeito de Campo Grande divulgou vídeo em que político conhecido Brasil afora anuncia apoio às suas pretensões. O problema é que o tal líder já andou sendo denunciado por mal feitos em sua trajetória, sem contar que o pai do dito-cujo teve de renunciar ao cargo de ministro por ter ligações nebulosas com empresa de agrotóxico. Depois do advento da internet, essa coisa de o povo ter memória curta hoje não passa de coisa “da era pré-histórica”.