Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESCALADA DO NOVO CORONAVÍRUS

Contágios de covid-19 em Campo Grande sobem 296% em julho

Contágios de covid-19 em Campo Grande sobem 296% em julho
31/07/2020 17:30 - Rodrigo Almeida


Em um mês Campo Grande saiu de segunda cidade como o maior quantidade de casos confirmados de Covid-19 para primeiro lugar incontestável.  

Em 1º de julho a cidade apresentava 2491 casos, 179 casos a menos que Dourados, o então epicentro da doença em Mato Grosso do Sul.  

Com a atualização do Boletim Epidemiológico do Secretaria Estadual de Saúde (SES) desta sexta-feira, 31, foi possível observar que esse número saltou 296%, para 9875 contágios confirmados.  

Isso já é maior que a quantidade de todos os casos confirmados em MS quando o mês começava, 8676 desde março. Em 30 dias saltamos para 24,936,uma variação de 187%, com todos os municípios afetados.  

Campo Grande é o novo epicentro. Passa Dourados de longe, que tem atualmente 4291 casos. O número de mortes também deu um salto assustador.  

Nas últimas 24h morrem 19 pessoas no estado, contra 3 do longínquo primeiro dia de julho. Até aquela data eram 89 óbitos. Hoje, são 376 sul-mato-grossense que já perderam a vida desde o início da pandemia.  

Campo Grande sozinha já representa cerca de 30% esse valor. Começamos o mês com 8 mortes na cidade, atualmente são 129 confirmadas.

A quantidade de casos do dia, no entanto, é o único número que difere, daquela data. Foram notificados 649 casos nesta sexta-feira contra 711, do dia primeiro.  

Os dois boletins mostram Campo Grande como a líder em novos contágios: 231 hoje, 323 no início. Corumbá e Três Lagoas seguem entre as 5 primeiras cidades dos dois boletins.  

A situação na Cidade Branca vem piorando, e o assunto já foi tema de cometário do secretário da SES, Geraldo Resende, nas Lives do Governo do estado, durante essa semana.  

Lockdown

Durante o mês, o prefeito Marcos Trad (PSD) instaurou toque de recolher a partir das 20h por 15 dias, que termina nesta sexta. Para o primeiro fim de semana de agosto, apesar da alta nos medidores, a medida foi rechaçada.  

Restaurantes, shoppings, comércio em geral, que passaram os dois últimos fins de semana fechados, serão reabertos. Em live de anúncio da nova medida, o prefeito disse que a medida não funcionou, por isso a retomada.  

Mesmo com as recomendações contrárias das autoridades de saúde e do governo estadual, nessa semana o médico infectologista Júlio Croda, disse que a cidade teria pacientes morrendo por falta de leitos na próxima semana, caso o isolamento social não fosse mantido.  

 

 
 

Felpuda


Lideranças de alguns partidos estão fazendo esforço da-que-les para fechar chapa com o número exigido por lei de 30% do total de vagas para as mulheres. Uma dessas legendas, por exemplo, tenta mostrar a “felicidade” das suas pré-candidatas, mas teme o fracasso, tendo em vista que o “chefe maior” é aquele que já mandou mulheres calarem a boca e disse também que a importância da sua então esposa na campanha eleitoral era porque apenas “dormia com ele”. Ô louco!