Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PANDEMIA

Covid-19: Ministério repassa R$ 3,8 milhões para ativar e manter 50 leitos de UTI

Vagas estão disponíveis em hospitais públicos ou que atendem a rede pública em cinco cidades
28/08/2020 11:32 - Adriel Mattos


O Ministério da Saúde habilitou 15 leitos em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) de hospitais de Mato Grosso do Sul. A pasta também renovou a operação de vagas também para uso exclusivo de pacientes diagnosticados ou com suspeita de Covid-19.

As portarias foram publicadas na edição desta sexta-feira (28) do Diário Oficial da União (DOU). Para manter toda essa estrutura, o Estado vai receber R$ 3,8 milhões.

No Hospital Regional Francisco Dantas Maniçoba, em Nova Andradina, foram habilitados oito leitos, cujo valor de custeio é de R$ 1,1 milhão. Já na Santa Casa de Corumbá, foram criadas sete novas vagas, ao custo de R$ 1 milhão.

Em Dourados, o ministério manterá a operação de dez leitos no Hospital Evangélico Dr. e Sra. Goldsby King, por R$ 480 mil. Outras cinco vagas continuarão à disposição no Hospital Santa Rita, ao custo de R$ 240 mil.

Na Santa Casa de Paranaíba, dez leitos continuarão habilitados por R$ 480 mil. E no Hospital Regional Dr. José de Simone Netto, em Ponta Porã, outras dez vagas seguem abertas, ao custo de R$ 480 mil.

 
 

DADOS

Mato Grosso tem até o momento 47.152 casos confirmados da doença causada pelo novo coronavírus, sendo que 39.644 pacientes já se recuperaram. A Secretaria de Estado de Saúde (SES) já registrou 823 mortes.

Hoje, 551 pessoas estão internadas em todo o Estado, e cinco cidadãos de outros Estados ocupam leitos locais. São 309 pacientes em leitos clínicos, sendo 203 em hospitais públicos e 106 em unidades privadas.

Outras 247 pessoas estão ocupando leitos de UTI, sendo 165 em hospitais públicos e 82 em unidades privadas.

Conforme a SES, o Estado tem 760 leitos clínicos adultos e 118 para crianças. Nas UTIs, há 369 vagas para adultos e nove para crianças.

A taxa de ocupação de leitos clínicos adultos é de 38% e pediátricos chega a 3%. 55% dos leitos de UTI estão ocupados por adultos e não há crianças internadas em Unidades de Terapia Intensiva.

 

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...