Cidades
MAUS-TRATOS

"Que as pessoas tenham consciência e não maltratem os animais", diz delegada corumbaense

Tatiana Zyngier realizou pronunciamento pela Policia Civil após mulher atropelar e matar cão em Corumbá

Alison Silva

12/04/2022 17:40

“Que as pessoas tenham consciência de que não podem maltratar os animais, existe uma vida ali, e a Polícia Civil de Corumbá está disposta a combater qualquer tipo de abuso”, disse a delegada corumbaense, Tatiana Zyngier,  após registro de maus-tratos animais na cidade a 428 quilômetros de Campo Grande.

O pronunciamento divulgado em uma rede social da Polícia Civil nesta tarde, ocorreu após uma mulher de 32 anos atropelar propositalmente e matar um cachorro na Rua Nossa Senhora da Candelária na cidade do interior. A autora  do atropelamento foi presa , mas responderá em liberdade por maus-tratos e desacato. De acordo com a delegada , como o animal morreu, a pena pode sofrer acréscimo de 30%.

“Recebemos uma denúncia proposital na qual a condutora do veículo passou propositalmente por cima do animal, que morreu após agonizar”, disse Tatiana Zyngier.

A denúncia ocorreu após um homem presencial a ação da condutora e questionar sua postura ao atropelar e levar o cão a óbito ontem(11).