Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

INJÚRIA E DIFAMAÇÃO

Empresária será indenizada em R$ 5 mil por boatos espalhados por rival

Condenada queria pegar o ponto do estabelecimento para si
29/07/2019 17:32 - FÁBIO ORUÊ


Administradora de uma academia será indenizada em R$ 5 mil de danos morais por injúrias e difamações, que foram espalhadas em Fátima do Sul, por uma outra mulher que tinha o intuito de obter a academia da vítima. A sessão aconteceu na 4ª Câmara Cível, em Campo Grande.

De acordo com informações do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, a empresária aluga um imóvel há cinco anos onde funciona sua academia. Contudo,a rival queria locar a academia administrada pela autora e, assim, passou a difamá-la e injuriá-la, espalhando na cidade que ela não paga os aluguéis e atrasava os pagamentos, motivo pela qual seria despejada do local, o que acabou sujando a imagem da proprietária perante seus clientes, fornecedores e moradores da cidade.

Diante dos boatos espalhados, muitos clientes optaram por não continuar suas atividades na academia com receio de o estabelecimento fechar.

Além disso, a ré também abordou a vítima e seus funcionários, fez ligações na academia dizendo que administrará o comércio, perguntando aos colaboradores se teriam interesse em permanecer no emprego após sua posse da academia.

Para o relator do processo, Des. Júlio Roberto Siqueira Cardoso, os depoimentos e as informações prestadas perante o juízo comprovam os transtornos sofridos pela empresária, caracterizando o dever de indenizar.

“Nos depoimentos, testemunhas e informantes confirmaram que a existência dos boatos espalhados por P.S.M. causaram a redução do movimento da academia e o enfraquecimento do negócio da autora/apelante. Portanto, a requerida/apelada deve ser condenada a indenizar a autora/apelante pelos danos morais causados, atendendo-se a finalidade punitiva da condenação, de forma que a requerida/apelada não venha a praticar o mesmo ato ilícito novamente”, frisou.

 

Felpuda


Mesmo sabendo que não é fácil conquistar a vitória, alguns políticos em pleno exercício do mandato disputam eleições, querendo trocar o Legislativo pelo Executivo e se dizendo preocupados com as necessidades do município. 

A jogada é antiga: fazem campanha eleitoral antecipada, pois vão tentar a reeleição, e começam a “trabalhar” o nome desde já. É bom lembrar o dito popular: “De boas intenções o inferno está cheio”. Ah, o poder!