Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

EPICENTRO

Dourados mantém drive-thru fechado em fim de semana

Local é o principal ponto de testagem na cidade e já testou 1.566 pessoas com 387 positivos
15/06/2020 17:01 - Daiany Albuquerque


 

Apesar da escalada no número de casos da Covid-19 em Dourados, o drive thru que funciona para testar suspeitos da doença permanece fechado durante o sábado e domingo. Com a maior taxa de positividade do Estado e com o maior número de casos, o município é o epicentro da doença em Mato Grosso do Sul.

De acordo com dados da Secretaria de Estado de Saúde (SES), o local já realizou 1.566 testes em Dourados, com 387 casos positivos, o que representa taxa de 24,7%. Esta é a maior positividade entre os drives do Estado, que mantém uma média de 6% de episódios diagnosticados.

Em Campo Grande, primeira cidade a implantar a medida, já foram testados 4.972 pessoas, com apenas 253 diagnósticos positivos, 5% de positividade, a menor do Estado. Já em Três Lagoas, que realizou 646 exames, 51 foram tiveram a doença reformada, 7,9% do total. O quarto drive está instalado em Corumbá, onde 599 já fizeram o teste, mas apenas 35 foram diagnosticados com a doença, taxa de 5,8%.

A única cidade a ter o exame feito todos os dias no drive é Campo Grande, em Dourados e Três Lagoas o local funciona de segunda a sexta-feira, já Corumbá tem atendimento três vezes na semana, segunda, quarta e sexta-feira.

Nem com o avança da doença, já que Dourados vem dobrando seus números a cada semana, essa medida foi revista. Atualmente a cidade tem 1.197 confirmados com o novo coronavírus, o que representa 33% do total de casos de Mato Grosso do Sul, com 3.551 episódios, conforme o boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (15).

Os drives do Estado funcionam nas instalações do Corpo de Bombeiros, com exceção ao de Corumbá, porém, a quantidade de dias e de testes é estabelecida pela SES.

Segundo o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, a pasta pretende, ainda esta semana, dobrar o número de testes disponíveis diariamente e também fazê-los aos fins de semana. “Há um clima de desconforto na cidade quanto ao crescimento exponencial do número de casos, estamos trabalhando com a capacidade máxima com equipe que montamos lá e estamos procurando solução para dobrar essa demanda, fazer testes de manhã e à tarde, mas precisamos da ajuda de nossos parceiros, como a secretária municipal com a cedência de servidores”, explicou.

Ainda de acordo com Resende, caso o município não possa contribuir com mais funcionários para realizar os testes, a SES deverá procurar “outros parceiros” para que esses exames tenham um aumento. A ideia da secretaria é passar de  90 testes RT-PCR para 180 e de 40 testes rápidos para 80.

 

Felpuda


Apressadas que só, figurinhas tentaram se “apoderar” do protagonismo de decisão administrativa. Não ficaram sequer vermelhas quando se assanharam todas para dizer que tinham sido responsáveis pela assinatura de documento que, aliás, era uma medida estabelecida desde 2019. Quem viu o agito da dupla não pode deixar de se lembrar daquele pássaro da espécie Molothrus bonarienses, mais conhecido como chupim, mesmo. Afe!