Clique aqui e veja as últimas notícias!

RESULTADO

Após 10 dias do lockdown, Dourados reduz casos e óbitos pela metade

Alan Guedes, destaca que o resultado positivo é fruto de medidas restritivas e colaboração da população
22/06/2021 15:50 - Thais Libni


Após realizar lockdown de 15 dias, Dourados reduziu casos de Covid-19 pela metade bem como de óbitos.  

De acordo com a comparação de períodos realizadas pela reportagem do Correio do Estado, entre os dias 3 a 12 de junho momento em que o município adotou medidas restritivas mais severas o número de casos positivos foi de 1.939 e 44 óbitos.  

Últimas Notícias

Diferente do período pós lockdown de 13 a 22 de junho, a onde é possível notar queda nas notificações, com 957 casos confirmados e 24 óbitos.  

O prefeito do município, Alan Guedes, destaca que o resultado positivo é fruto de medidas restritivas e colaboração da população.

“O resultado positivo que começa aparecer nos dados é fruto do esforço coletivo da população douradense após o lockdown. No entanto, é muito importante que continuemos com todas as medidas preventivas contra a contaminação da Covid-19, como o uso da máscara e do álcool em gel, o distanciamento físico, evitar aglomerações e também tomar a vacina para quem já está disponível”, alerta Alan Guedes.

De acordo com o infectologista e pesquisador da Fiocruz, Julio Croda, o município ainda terá mais quedas nos números nos próximos dias. 

"Acredito que o lockdown ainda terá reflexo nas próximas duas semanas, depende de como a população conduzirá a reabertura bem como o seguimento das medidas de biossegurança", pontuou.

Dourados decretou lockdown entre os dias 30 de maio e 12 de junho, quando a fila de espera por uma vaga na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Covid estava com quase 60 pacientes.

Nesta terça-feira (22) Dourados registrou 1 óbito e 96 novos casos.  

Estado

O Estado contabiliza 7.864 óbitos e 325.505 casos confirmados desde o início da pandemia, sendo 1.206 confirmações e 38 mortes de ontem (21) para hoje (22).

A média móvel de casos é de 1.381,9 e a de mortes 42,3. A taxa de letalidade está em 2,4 e a de contágio em 1,05.

Em isolamento domiciliar encontram-se 13.846 doentes. Curados somam em 302.735.

Assine o Correio do Estado