Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

PESQUISA

Em três meses, preço do teste para Covid-19 em Campo Grande cai até 43%

Procon da Capital realizou nova pesquisa de preços em laboratórios e hospitais nesta semana
01/10/2020 18:38 - Eduardo Miranda


O aumento da oferta de testes no setor público, e também da demanda de pessoas com suspeitas de Covid-19, fez com que preço dos testes que detectam o coronavírus caíram até 43% em Campo Grande, aponta levantamento do Procon municipal.  

A queda de preço é manifestada nos testes sorológicos, tanto os rápidos, vendidos em farmácia, quanto nos mais detalhados. O preço dos testes rápidos tiveram queda de preço de até 43%: em julho o mais barato custava R$ 139,99 e agora o teste mais em conta sai por R$ 79,99.

As farmácias Drogasil e Pague Menos oferecem este tipo de teste. O vendido pela Drogasil, não variou de preço nos últimos três meses: continua custando R$ 140. Já o teste vendido pela Pague Menos, apresentou a queda de R$ 139,99 para R$ 79,99.  

Quanto aos testes sorológicos feitos em laboratório, o teste mais barato caiu de R$ 250,00 para R$ 200,00. Em julho, os testes mais baratos eram encontrados no Lab Saúde e no Oswaldo Cruz, a R$ 250. Agora, o teste sorológico mais em conta é vendido no DNA Laboratório Labneo.  

 

PCR

O teste do tipo RT-PCR, considerado padrão ouro para coronavírus, foi o único que teve aumento. Em julho era vendido a R$ 300,00 no Hospital Proncor, na época, o local com o preço mais em conta. Agora, o hospital continua oferecendo o menor preço para este tipo de teste, porém, a R$ 310,00.  

 

 
 

Felpuda


Comentários ouvidos pela “rádio peão”, em ondas curtas, são de que figurinha só ganharia apoio dos colegas caso pessoa agregada fosse “curtir a aposentadoria” de uma vez por todas. Como seu acordo político acabou naufragando nesta campanha, agora dito-cujo estaria querendo recuar e não ceder o lugar. 

Isso até poderia acontecer, se não fosse a sua, digamos, eminência parda. Afe!