Cidades
CONSÓCIO IMOBILIÁRIO ILEGAL

Empresa que vendia consórcios ilegais agenciava jovens para atrair compradores pela internet

Ao todo 10 jovens de 18 a 25 anos trabalhavam para a companhia; Todos estão sendo investigados

Natália Olliver

04/05/2022 18:20

A empresa de imóveis, autuada por publicidade enganosa nesta terça-feira (3), utilizava jovens para atrair consumidores pela internet. 

Ao todo 10 funcionários de 18 a 25 anos estão sendo investigados por postarem anúncios imobiliários, muitas vezes no próprio perfil pessoal, para atrair clientes para a companhia. 

A fiscalização foi feita na ação consulta da Superintendência para a Orientação e Defesa do Consumidor (Procon/MS) e Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI-MS). 

A ação apanhou os fraudadores no exato momento em que o grupo fechava mais um golpe.