Clique aqui e veja as últimas notícias!

INFORME PUBLICITÁRIO

Após quase uma década de direção, Dra. Maria José Martins Maldonado encerra ciclo na Associação Médica de MS

Durante 9 anos realizando melhorias para o sistema de saúde de Mato Grosso do Sul, a médica visa novos projetos
07/12/2020 08:00 - Da Redação


Presente na direção da Associação Médica de Mato Grosso do Sul (AMMS), durante nove anos, a atual presidente Dra. Maria José Martins Maldonado finaliza gestão neste mês de dezembro. 

Atuante na área da saúde há 34 anos, médica Neurologista Infantil, Maria José é reconhecida por diversas iniciativas nacionalmente conhecidas, que foram executadas durante suas gestões na AMMS, como o Exame AMRIGS, prova de residência realizada a partir de uma parceria com a Associação Médica do Rio Grande do Sul. 

De acordo com a presidente, a associação deve assegurar uma qualificação de qualidade para os profissionais da área. “A formação de qualidade é primordial para o exercício da boa medicina e a Associação Médica preza por isso e trabalha pela formação qualificada dos profissionais”, pontuou. 

Outro projeto recente, porém modelo para muitas instituições de saúde da Capital e do Estado, foi a inauguração da Usina Fotovoltaica. Iniciativa sustentável, desenvolvida através de energia renovável, não poluindo ou prejudicando o ecossistema. A produção energética atende à unidade administrativa, as quadras de tênis e as piscinas.

O Guia Médico é um projeto piloto, que já alcançou mais de 1 milhão de acessos e expandiu para mais 10 estados. É um sucesso absoluto, tanto na versão impressa, quanto online. 
O guia traz uma relação completa de médicos, facilitando a consulta para quem busca por profissionais capacitados, confiáveis e devidamente registrados com suas especialidades.

Com foco de mudança, a médica explica que assumiu a responsabilidade de administração pois sentia necessidade de restruturação na Associação Médica do Estado. Segundo a neurologista infantil, a associação tem um grande papel na sociedade e suas ações apresentam um impacto para todos. 

“Temos um foco na questão científica para a atualização do médico, não basta só se formar, o médico deve sempre estar se atualizando em seu conhecimento, por isso a realização de congressos, jornadas e pesquisas. Quando você melhora o conhecimento do médico, automaticamente você melhora o atendimento de pacientes seja do sistema público ou privado.Conscientizamos desde cedo os graduandos sobre suas responsabilidades, é o nosso papel” ressaltou Maria José.