Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DOAÇÃO

Estoque do Hemosul vai de 40 a 10% em uma semana

Tipagens A, O e B estão em falta; AB tem quantidade aceitável
17/07/2020 12:01 - Rodrigo Almeida


Responsável por fornecer sangue para todos os hospitais particulares e públicos de Mato Grosso do Sul, o Hemosul se encontra em estado crítico. O estoque de sangue atingiu 10% da capacidade nesta sexta-feira (17). 

De acordo com a nota pública, o centro já sofre com o desabastecimento. “As tipagens O, A e B [estão] abaixo dos 10%, a situação na unidade é considerada de emergência”, diz o comunicado.

“A única tipagem que está com estoque bom é AB. Precisamos de doações dos tipos O, A e B, positivo e negativo”, reforça a gerente de relações públicas do Hemosul, Mayra Franceschi.

No começo do mês os estoques estavam em 40% da capacidade e a demanda pelo sangue de tipo A era alta. 

Agora a situação está ainda pior. Esse é o tipo mais comum no Brasil, segundo banco de dados Wayback Machine. 

A gerente da rede ainda lembra que "não podemos ter aglomerações (por causa da pandemia de coronavírus). Por isso organizamos as pessoas para respeitarmos todas as normas de segurança". Assim, é obrigatório o uso de máscaras e aconselhável o agendamento. 

Como doar

Através da doação programada, pode-se evitar a aglomerações nas unidades. Os telefones para agendamento na Capital são os (67) 3312-1516, (67) 3312-1529 e (67) 99298-6316. 

O local funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, e aos sábados das 7h às 12h. 

Para doar a pessoa deve ter entre 16 e 69 anos, mais de 55kg, e não estar acometida por alguma das doenças a seguir: hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes, hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis.

O profissional de saúde fará a avaliação, pois alguns medicamentos e ter tomado alguma vacina nos últimos sete dias podem ser impeditivos. Menores de idades devem ser acompanhados por responsável.

A rede ainda aconselha a estar bem alimentado antes da doação e evitar uma refeição muito gordurosa. 

Com relação à frequência, homens podem doar até quatro vezes por ano com um intervalo de dois meses entre cada doação. Já para as mulheres estão limitadas a três doações espaçadas por no mínimo três meses. 

 
 

Felpuda


Devidamente identificadas as figurinhas que agiram “na sombra” em clara tentativa de prejudicar cabeça coroada. Neste segundo semestre, os primeiros sinais começarão a ser notados como reação e “troco” de quem foi atingido. Nos bastidores, o que se ouve é que haverá choro e ranger de dentes e que quem pretendia avançar encontrará tantos, mas tantos empecilhos, que recuar será sua única opção na jornada política. Como diz o dito popular: “Quem muito quer...”.