Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ENSINO SUPERIOR

Faculdades planejam retorno das aulas presenciais por etapas na Capital

Aulas voltaram na modalidade à distância e, assim que houver autorização para a modalidade presencial, instituições preveem retorno em etapas
08/08/2020 15:51 - Nyelder Rodrigues


A pandemia de covid-19 obrigou adaptações a toda população, repentinamente, causando grande impacto na rotina e cultura das pessoas. Obviamente, a situação não poderia ser diferente no ensino superior. Em Campo Grande, a maioria das instituições já deu início ao calendário do segundo semestre com aulas remotas e planejam o retorno presencial por etapas.

Em meio à pandemia e a uma discussão relativa à necessidade ou não de um bloqueio geral da circulação das pessoas, universidades e centros universitários privados da Capital seguem seu período de quarentena, mantendo os devidos cuidados aos estudantes.

Contudo, assim que houver autorização para o retorno das atividades presenciais, essas instituições particulares devem colocar em prática planos de biossegurança que em algumas delas incluem até retorno gradual dos alunos para os campi.

 
 

Uma das principais universidades de Mato Grosso do Sul, a Uniderp prevê retorno "em ondas", ou seja, respeitando os estádios da pandemia e decretos das autoridades locais, conforme informou a assessoria de comunicação da instituição.

Ali, serão três etapas, uma inicial com retomada parcial das atividades com alto nível de restrições e exigência nos protocolos de segurança, uma secundária com retomada moderada de atividades e uma última com retorno aos padrões normais e adição de cuidados preventivos e ajustes de rotinas, com higienização, entre outros.

A universidade também deve se organizou em frentes de atuação que passam pela retomada administrativa, acadêmica e plano de comunicação. Por ora, as aulas são ministradas online pelos professores. A previsão é de entrada na primeira etapa de retomada das aulas no dia 24 deste mês, uma segunda-feira, dois dias antes do aniversário da cidade.

"Os alunos serão comunicados com a devida antecedência sobre um possível retorno posterior ou anterior à data", frisa a assessoria. No Centro Universitário Anhanguera, localizado na avenida Gury Marques e contralado pelo mesmo grupo da Uniderp, o planejamento de retomada segue os mesmos moldes da universidade da rua Ceará.

 

Outra universidade localizada em Campo Grande, a Estácio de Sá, manteve o calendário do segundo semestre a partir de aulas pela internet. As atividades devem ser iniciadas nesta segunda-feira (10) e, mesmo que online, vai diferir do EaD oferecido na instituição, pois as aulas seguem no mesmo padrão da modalidade presencial, só que transmitida ao vivo.

"Ministradas pelos mesmos professores, nos horários habituais e com o mesmo conteúdo, com interação, chat e discussões. Este modelo conta com uma aprovação expressiva de quase 95% dos alunos", explica a assessoria de imprensa da universidade.

Sobre a previsão de retorno das aulas presenciais na unidade campo-grandense, a Estácio de Sá afirma não ter previsão sobre tal, mas vai considerar as condições sanitárias e autorizações locais para definir um retorno, que também deve ser informado aos alunos com antecedência, assim como as adequações feitas para o retorno ser efetivo.

 

Já no Centro Universitário Unigran, as aulas voltaram no dia 3 de agosto, seguindo o calendário regular da instituição, adotando também o ensino remoto como opção para enfrentar esse momento sem interromper as aulas e prejudicar os estudos os acadêmicos.

A instituição frisa que está usando, só que com maior frequência e volume, ferramentas que já faziam parte do ambiente acadêmico local. Assim como as demais, ela também realiza as aulas nos horários regulares das aulas presenciais, adotando um plano de biossegurança e adaptações físicas para encarar a retomada das aulas, assim que forem possíveis.

Enquanto isso, a Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) frisa em nota apenas que foi desenvolvido um plano de biossegurança com orientações de conduta, desde entrada no campus até circulação pelo local e higienização das salas. As aulas na UCDB voltaram nesta semana, também totalmente em ambiente virtual.

 

Felpuda


Figurinha está trabalhando intensamente para tentar eleger a esposa como prefeita de município do interior.

Até aí, uma iniciativa elogiável. Uns e outros, porém, têm dito por aí que seria de bom tom ele não ensinar a ela, caso seja eleita, como tentar fraudar folha de frequência de servidores. 

Afinal, assim como ele foi flagrado em conversa a respeito com outro colega, não seria nada recomendável e poderia trazer sérias consequências. Só!