Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

"04"

Filho de Bolsonaro é banido de plataforma de streaming após chamar covid-19 de 'gripezinha'

Após expulsão, Renan Bolsonaro fez montagem insinuando que plataforma é comunista
02/05/2020 01:00 - Estadão Conteúdo


Jair Renan Bolsonaro, o filho "04" do presidente Jair Bolsonaro, afirmou nesta Sexta-feira (1) em sua conta no Twitter que foi banido "para sempre" da Twitch, plataforma de streaming de jogos. Na última semana, ele chamou a covid-19 de "gripezinha" durante uma transmissão e afirmou que preferia "morrer transando do que tossindo".

No tweet em que relatou a expulsão, Jair Renan postou a captura de tela de sua conta com o aviso de "conteúdo indisponível". Ele também inseriu uma montagem ironizando a plataforma, com a logomarca da Twitch ao lado de uma foice e um martelo, símbolos do comunismo, sob um fundo vermelho.

"Interessante é que a rede social mantém perfis que disseminam claramente a misandria (ódio, o desprezo ou o preconceito contra homens ou meninos), mas não suportam uma brincadeira, por mais pesada que fosse", afirmou. Jair Renan afirma que houve utilização da "brincadeira fora de contexto" ao repetir "piada que foi feita antes por um cantor".

O estudante disse ainda que foi prejudicado por uma briga política e que a "ânsia de atacar alguém que afete o presidente da República é maior do que apurar uma simples piada e respeitar a liberdade de expressão".

Em seguida, o filho do presidente mencionou a conta oficial da Twitch e questionou os termos de uso da plataforma. "Gostaria de saber qual o limite de piadas e que a rede social Twitch, que tem o total poder sobre toda a liberdade de expressão, nos mostrasse o limite para que todos saibam até onde podem ir".

Durante a transmissão na última quinta-feira, o filho do presidente disse que a pandemia do novo coronavírus era uma "história da mídia para trancar você dentro de casa". Questionado se tomou cloroquina, Jair Renan respondeu ironizando pautas do governo do pai: "tive de tomar, né. Mas nióbio e grafeno ficaram com ciúmes, já."

Procurado, o Planalto disse que não comentará declarações do filho do presidente e não confirmará se ele teve mesmo a doença. De acordo com dados do Ministério da Saúde divulgados nesta sexta-feira, o Brasil tem 91.589 casos do novo coronavírus e 6 329 mortes. Nas últimas 24 horas, foram 6.209 novos casos e 428 novas mortes.

Felpuda


Conversas muito, mas muito reservadas mesmo tratam de possível mudança, e não pelo desejo do “inquilino”.

Por enquanto, e em razão de ser um assunto melindroso, os colóquios estão sendo com base em metáforas.

Até quando, não se sabe, pois o que hoje é considerado tabu poderá se tornar assunto em rodinhas de conversas.

Como dizia o célebre Barão de Itararé: “Há mais coisas no ar, além dos aviões de carreira”. Só!