Clique aqui e veja as últimas notícias!

CORONAVÍRUS

Enquanto desmonta unidade em Campo Grande, governo ativa hospital de campanha em Ponta Porã

Estrutura na Capital serviria de retaguarda para o Hospital Regional
07/08/2020 07:00 - Adriel Mattos


Enquanto se prepara para desmontar a estrutura de Campo Grande, o governo de Mato Grosso do Sul vai inaugurar nesta sexta-feira (7) um hospital de campanha em Ponta Porã, cidade no sudoeste do Estado.

A unidade funcionará ao lado do Hospital Regional Dr. José de Simone Netto. Serão 40 leitos clínicos e 20 vagas na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Mais de 150 profissionais vão atuar no hospital de campanha. Inicialmente, o projeto contava com apenas dez leitos de UTI.

Todos estão equipados com ventiladores mecânicos, desfibriladores, carrinhos de urgência, central de monitoramento, monitores multiparâmetro e suporte avançado de vida.

“Os novos leitos de UTI implantados estão equipados com toda estrutura para atender os pacientes com quadro clínico grave da doença. Nossa equipe multidisciplinar tem trabalhado e se capacitado constantemente”, declarou o diretor-geral do Hospital Regional, Demetrius do Lago Pareja.

 
 

DESMOBILIZAÇÃO

Montada para servir de retaguarda para o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (HRMS) Rosa Pedrossian, o hospital de campanha vai ser desmontado gradualmente.

Na quarta-feira (5), o secretário de estado de Saúde, Geraldo Resende, justificou que não houve um volume considerável de casos leves que necessitassem de internação.

“Esses graves precisam de UTI e de uma estrutura mais avançada que não pode ser erguida no hospital de campanha, com complexidade de leitos, profissionais habilitados, equipamentos de última geração”, explicou.