Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ALERTA VERMELHO

Hemosul tem queda de 50% nas doações e precisa de colaboração popular

Interessados devem agendar horário através do telefone da unidade
21/03/2020 10:56 - Camila Andrade Zanin


 

O Hemocentro Coordenador de Mato Grosso do Sul (Hemosul) está em estado de emergência para os tipos sanguíneos — O positivo e O negativo — desde quinta-feira passada (12). Nos últimos dias, houve uma queda de pelo menos 50% nas doações de sangue, consequência da evolução do quadro do novo coronavírus (Covid-19). O estoque, que já estava reduzido, está deixando a situação do local de coleta sanguínea crítica.  

A queda acende o alerta vermelho, porque a unidade é responsável pelo abastecimento de sangue de hospitais públicos e privados do Estado. A preocupação com Covid-19 leva o hemocentro a realizar triagem com as pessoas que apresentaram ou tiveram contato com alguém que tenha tido febre, gripe, coriza, ou outros sintomas da doença. Ou caso tenha viajado para algum lugar de risco.

Para regularizar a situação e amenizar o pânico, a unidade está tomando medidas preventivas contra o coronavírus. Contudo, a baixa em doação de sangue continua , inclusive para outros tipos sanguíneos. A coordenadora geral do hemocentro, Marli Vavas, contou ao Correio do Estado por telefone, na manhã de hoje (21), que o Hemosul seguiu as orientações do Ministério Público, e das Secretarias, Estadual e Municipal de Saúde.  

“Para a distância necessária, a cada uma cadeira, interditamos duas nas salas de coleta. Redobramos a higienização das mãos e dos objetos, e a fim de evitar aglomerações, estamos agendando por telefone”. Marli acrescenta que os cuidados não param por aí. Agora, são apenas 20 cadeiras na sala de espera, além da orientação de se esperar do lado de fora, até que pelo menos uma pessoa saia.  

“Nosso próximo passo, é tentar o agendamento também pela internet. Por enquanto, a dinâmica por telefone tem dado certo. As pessoas estão sentindo mais segurança observando nosso trabalho.” afirma.

Em Campo Grande, o Hemosul funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h, e aos sábados, das 7h às 12h. Fica localizado na Avenida Fernando Corrêa da Costa, n° 1304, Centro da Capital. Para quem mora no interior do Estado e deseja contribuir, deve procurar a unidade de coleta mais próxima. Há unidades do Hemosul em Dourados, Ponta Porã, Três Lagoas ou Paranaíba. Os endereços e horários de funcionamento podem ser conferidos aqui.

COMO DOAR

Para realizar a doação de sangue, é necessário apresentar documento com documento oficial, e ter idade entre 16 e 69 anos. A Rede Hemosul reserva-se o direito de aceitar apenas doadores com 55 kg ou mais, para a melhor utilização do sangue coletado e segurança do doador. O doador deve estar  alimentado de forma saudável (não se pode doar sangue em jejum).  

MENOR DE IDADE

O menor deve estar acompanhado de pai ou mãe ou responsável legal, ou então, pode retirar na unidade de doação um modelo de declaração (também disponível no site), levar para mãe, pai ou responsável legal assinar e reconhecer firma da assinatura.  

Se o menor de idade for emancipado pode ir sozinho ao Hemosul e apresentar o documento de emancipação. Se for casado, levar a certidão de casamento que já é suficiente para a liberação.

Telefone para agendar ou tirar informações é o 3312-1500.

 

Felpuda


Embora embalada por vários “ex”, pré-candidatura a prefeito de esforçada figura não deslancha. É claro que ninguém ousa falar em voz alta que o apoio, em vez de alavancar os índices com o eleitorado, está é puxando para baixo. Uns dizem que o título do filme “Eu Sei O Que Vocês Fizeram no Verão Passado” retrata bem a situação. Outros complementam: “... na primavera, no outono, no inverno...”. Como diria vovó: “Aqui você planta, aqui você colhe!”.