Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DIA NACIONAL DO IDOSO

Jovens de alma, o idoso contemporâneo é tecnológico e curte tudo nas redes sociais

Dia Nacional do Idoso foi criado para sensibilizar a sociedade sobre questões de envelhecimento
27/09/2020 07:30 - Carol Alencar Cozzatti


A TV já não é mais o motivo principal de disputa das vovós e vovôs do século 21. Acredite. Ela foi substituída por tablets e smartphones. Hoje em dia é raro ver os idosos conversando em cadeiras de fio na calçada ou até bordando aquele pano de prato que irá compor o enxoval da neta. Eles estão cada vez mais por dentro da programação virtual do que a gente imagina.

Comemorado o Dia Nacional do Idoso, hoje 27 de setembro, a gente aborda o tema com muita cautela, uma vez que a palavra 'idoso' foge do imaginário dos nossos personagens tão jovens de alma.

Eu não me considero idosa, tenho vitalidade e faço hidroginástica há 20 anos, me revigora”, comenta a aposentada Ruth Ricci de 70 anos. Avó de quatro netos, ela conta que se sente bem ativa para poder auxiliar os filhos quando precisa e acompanhar toda a programação do dia a dia deles pelas redes sociais. “Sou totalmente tecnológica.

Não preciso esperar o fim de semana pra ver meus netos, como minha saudosa mãe fazia quando meus filhos eram pequenos, hoje eu já curto, comento e dou coraçãozinho em tudo”, avalia.

Sobre assistir televisão Ruth complementa: “gostava de assistir novelas de época mas hoje vejo muito pouco; acompanho tudo pelo celular”.

 
 

Gaúcho poeta

Gaúcho de Erechim (RS) vivendo há mais de 30 anos em Sidrolândia (MS), o aposentado José Rodrigues també não se considera idoso. “Consigo compreender que meu organismo não responde mais como antigamente mas na minha cabeça, tenho os mesmos pensamentos e a mesma vitalidade de um jovem”, fala com orgulho.

Além de morar sozinho e contratar uma diarista apenas a cada 15 dias, Seu José também é um idoso contemporâneo. “Meus filhos fizeram as redes sociais pra mim, ainda essa semana consegui assistir a um show ao vivo de um amigo gaiteiro lá do Sul, parecia que eu estava lá de tão encantador”, declara.

Aposentado há mais de 20 anos, ele dedica-se para a declamação de poemas gaúchos, sempre aos domingos pela manhã, acompanhado de seu infiel chimarrão. “Sempre declamo poesias gaúchas e disparo no WhatsApp. Por lá nunca me sinto só e acho incrível esse meio de comunicação, aquele idoso de antigamente que não se integra na modernidade vive fora da realidade”, finaliza.

 

 
 

Data Comemorativa

Criado pela Comissão de Educação do Senado Federal em 1999, o Dia Nacional do Idoso surgiu para causar reflexão e atenção à melhor idade do nosso País. Bem como direitos e dificuldades e até mesmo vacinação e qualidade de vida.

Já o Dia Internacional do Idoso, comemorado dia 1º de outubro, foi criado pela Organização Mundial de Saúde (ONU), em 1991 e o principal objetivo de sua criação se deu também pela necessidade de sensibilizar a sociedade sobre questões do envelhecimento. Ainda segundo a ONU, até 2025 haverá mais idosos do que crianças no planeta.

 

Felpuda


Questão de família acabou descambando para o lado da política, e a confusão já é do conhecimento público. 

A queda de braço tem como foco a troca de apoio político que, de um, foi para outro. Sem contar as ameaças de denúncia da figura central do imbróglio. 

A continuar assim, há quem diga que nenhum dos dois candidatos a vereador envolvidos na história conseguirá ser eleito. Barraco é pouco!