Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

CAMPO GRANDE

Inaugurada há 10 anos, Orla Morena será revitalizada pela primeira vez

Projeto está orçado em R$ e licitação para escolha de empresa responsável foi finalizada
21/10/2020 14:30 - Glaucea Vaccari


Inaugurada há mais de 10 anos, a Orla Morena passará pela primeira revitalização, em Campo Grande. Obra está orçada em R$ 435.342,30.

Empresa MRL Comércio de Materiais Elétricos e Serviços Eirele foi a vencedora de licitação, que teve homologação publicada nesta quarta-feira (21) nos Diários Oficiais do Município e no da União.

Construída no antigo traçado dos trilhos, A Orla Morena é um parque linear que margeia as duas pistas da Avenida Noroeste, entre a Avenida Júlio de Castilho e a Rua Plutão. 

Conforme o projeto, planejamento prevê a recuperação do calçamento, playground, troca de equipamentos da academia ao ar livre e lixeiras.  

No playground, será efetuada a retirada dos brinquedos em madeira para locação de novos, sendo duas torres com cobertura, escorregadores, passarelas e tobogã.

Também haverá substituição parcial da tela de alambrado em torno do espaço e retirada da areia para instalação de piso emborrachado. 

Será feita ainda adequação da Orla Morena para acessibilidade, com instalação de piso tátil e placas em braile no início e fim dos corrimãos, sinalização visual para degraus em faixa reflexiva, além da adaptação do teatro de arena para receber cadeirantes. 

Rampas serão demolidas em trechos que apresentam fissuras, com recomposição do calçamento do passeio em concreto. 

Haverá substituição de defensas, muretas de contenção, trocados os pisos petit pavet danificados, além de ser feita a recomposição das muretas de contenção. 

Serão instalados corrimão para complementação de corrimão existente para duas alturas, além da instalação de novos nas circulações verticais, escadas e rampas.

Os trechos de ciclovia receberão pintura acrílica de piso e pintura da sinalização horizontal. 

Previsão é de que as obras comecem aina neste ano, após o período eleitoral.

Conforme o cronograma, a empresa tem 90 dias consecutivos, após recebimento da ordem de serviços, para execução das obras.

 
 

Felpuda


Comentários ouvidos pela “rádio peão”, em ondas curtas, são de que figurinha só ganharia apoio dos colegas caso pessoa agregada fosse “curtir a aposentadoria” de uma vez por todas. Como seu acordo político acabou naufragando nesta campanha, agora dito-cujo estaria querendo recuar e não ceder o lugar. 

Isso até poderia acontecer, se não fosse a sua, digamos, eminência parda. Afe!