OPORTUNIDADE

Inscrições do Vale Universidade começam dia 3 de março

Período de inscrições vai até o dia 17
14/02/2020 11:00 - Camila Andrade Zanin


 

As inscrições do Programa Vale Universidade (PVU) começarão a partir das 8h do dia 3 de março. Para garantir a inscrição, a partir do dia estabelecido, o acadêmico deve acessar o site do programa e seguir o passo a passo para participação no processo seletivo. O período para inscrição no processo seletivo de 2020 termina no dia 17 de março, às 16h.

Poderão se inscrever no Vale Universidade os acadêmicos que comprovarem renda individual igual ou inferior a dois salários mínimos e meio, e renda familiar mensal não superior a quatro salários mínimos. Esta é considerada a renda bruta.Os demais requisitos constantes na resolução, devem ser preenchidos conforme a publicação.

Um dos requisitos é estar matriculado em curso presencial de graduação autorizado pelo Ministério da Educação (MEC). Este deve ser mantido por instituição de ensino superior público ou privada, sediada no Estado de Mato Grosso do Sul e conveniada ao programa, bem como estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (Cadastro Único).

De acordo com a publicação do DOE/MS o candidato deverá preencher de forma correta todos os campos da ficha. Quando a inscrição for concluída, será fornecido o número do protocolo e que o não preenchimento de qualquer uma das informações solicitadas no cadastro não permitirá a finalização da ficha de inscrição.

Após a etapa de inscrição e caso o acadêmico seja habilitado no processo, serão solicitados outros documentos que comprovem as demandas exigidas pelo programa. Também é assegurada à administração pública o direito de verificar as informações prestadas pelo interessado, por visitas à residência, ao local de trabalho ou à instituição de ensino superior onde o candidato e beneficiário estiver matriculado.

Todas as informações constam na publicação do Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (14). 

Vale Universidade

O programa é mantido pelo Governo do Estado e gerenciado pela Secretaria de Estado de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast). O programa como objetivo oferecer ao acadêmico universitário de baixa renda a oportunidade de aprimorar sua formação profissional, mediante concessão de benefício social. No Vale Universidade o Governo do Estado arca com 70% da mensalidade, a Instituição de Ensino Superior com 20%, e o acadêmico com 10%.

A titular da Sedhast, Elisa Cleia Nobre, destaca. “A cada ano vemos na prática que muitos acadêmicos podem concluir seus cursos graças ao programa mantido pelo Governo do Estado. Neste ano, mais uma vez, muitos sonhos serão revigorados e a esperança de muitos, concretizada. Tudo isso por meio desse belo programa que é o Vale Universidade”.

 
smaple image

Fique por dentro

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo, direto no seu e-mail.

Quero Receber

Felpuda


Princípio de "rebelião" política no interior de MS, fomentada por grupo interessado em tomar o poder, não prosperou. Quem deveria assumir o "comando da refrega", descobriu que, além da matemática ser ciência exata, há "prova dos nove". Explica-se: é segunda suplente, pois não conseguiu votos necessários nas últimas eleições, mas assumiu o cargo porque a titular licenciou-se, assim como o primeiro suplente. Caso contrarie a cúpula, seria aplicada a tal prova e, assim, "noves fora, nada".