Clique aqui e veja as últimas notícias!

IGREJA

Por milagre em Campo Grande, jovem será beatificado como "padroeiro da internet"

Corpo de jovem ficará exposto até o dia 17 de outubro em Assis, na Itália
03/10/2020 13:31 - Alicia Miyashiro


Foi aberto ao público na última quinta-feira (1º), o túmulo onde está sepultado o adolescente Carlos Acutis, que será beatificado pelo Vaticano, após reconhecerem o que consideram um milagre realizado por ele, em Campo Grande.

Conhecido como “padroeiro da internet”, por usar a rede como principal meio de levar o evangelho aos fiéis, Carlo nasceu em Londres e cresceu em Milão, na Itália, e em 2006, aos 15 anos, morreu de leucemia.

O milagre reconhecido pelo Vaticano ocorreu em 2010, quando um avô levou seu neto, que tinha problemas no pâncreas, até a paróquia de São Sebastião, na Capital.  

De acordo com a família, o menino foi curado após tocar as roupas com sangue de Carlo Acutis, que estavam expostas na paróquia.

Na época, o padre Marcelo Tenório era quem comandava a igreja, e conta que em todo dia 12 de outubro, data do falecimento de Carlo, realizava as missas com uma relíquia do jovem.  

"O milagre foi reconhecido pela equipe médica e agora ocorrerá a beatificação. Em seguida, terá o processo de canonização, mas, outro milagre precisa ser reconhecido. Vamos começar a postulação da causa em breve. Agora, por conta da pandemia, não estarei presente lá, porém, estou muito feliz com o resultado de todo o nosso trabalho”, afirmou o padre em uma entrevista ao G1.

A cerimônia está marcada para 10 de outubro, às 16:30.