Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

TRÂNSITO

Jovens de 17 e 21 anos morrem em acidente entre moto e caminhonete em Campo Grande

Impacto foi tão forte que casal foi arremessado e morreu na hora, na avenida Lúdio Coelho
07/08/2020 11:04 - Gabrielle Tavares, Glaucea Vaccari


Eduardo Bruschi, 21 anos, e Helen Oliveira Dinis, 17 anos, morreram em acidente entre uma moto e uma caminhonete, na manhã desta sexta-feira (7), na Avenida Lúdio Martins Coelho, em Campo Grande.

O casal estava em motocicleta esportiva, que foi atingida pela caminhonete Toyota Hilux, onde estavam quatro pessoas. 

De acordo com informações de testemunhas, a família da Hilux estava voltando de uma fazenda em Corguinho e, quando o motorista, de 83 anos, tentou fazer uma conversão para retorno na avenida, atingiu a moto, que estava na preferencial.

Segundo um dos ocupantes do veículo, a moto estaria em alta velocidade.  

Com o impacto da batida, o casal foi arremessado a vários metros. Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foram acionados e socorristas chegaram a tentar reanimar o casal, mas eles não resistiram e morreram no local. 

Quanto aos ocupantes da caminhonete, não tiveram ferimentos considerados graves, apenas a passageira do banco da frente, de 84 anos, bateu com a cabeça, mas estava consciente. 

No entanto, todos foram atendidos pelos bombeiros devido a estarem bastante abalados.

Lateral direita da caminhonete ficou totalmente destruída, o que demonstra o forte impacto da batida.  

Família da adolescente está no local e a mãe está bastante abalada. No local, a cena é de tristeza, com a mãe ao lado do corpo, chorando.  

O trânsito foi totalmente interditado para trabalho da perícia, no trecho da Rua General Camilo Gal até a Rua Rodolfo Andrade Pinho, e um congestionamento se forma no local.

Morador do bairro, que preferiu não ser identificado, disse ao Correio do Estado que não há radar na região e é comum a ocorrência de acidentes, além de muitos motoristas trafegarem em alta velocidade.

Caso será investigado pela Polícia Civil.

 
 

Felpuda


Candidato a prefeito em cidade do interior tremeu que só nas bases diante da decisão que tirou a corda do pescoço de adversário, liberando o dito-cujo para disputar a eleição.

Como acreditava que o pleito seria “um passeio”, estava até pensando no modelito que usaria no dia da posse.

Agora, teme nadar, nadar e morrer na beira da praia, deixando o terno pendurado no cabide.