Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

TRANSPORTE COLETIVO

Linhas e horário de ônibus serão reduzidos no feriado e fim de semana

Comércio estará fechado e transporte terá alteração para que pessoas evitem sair
09/04/2020 15:33 - Glaucea Vaccari


 

Transporte coletivo irá operar com linhas reduzidas nos feriados de Sexta-Feira Santa (10) e no Domingo de Páscoa (12), e horário de encerramento alterado para 18h no sábado (11), em Campo Grande. Medidas são para evitar que a população saia de casa nas datas, já que muitos serviços não estarão funcionando.

Nesta sexta-feira, por conta do feriado, não haverá abertura do comércio e repartições públicas que não são de serviços essenciais, com funcionamento apenas de supermercados e algumas peixarias. Por conta disso, linhas serão reduzidas como medida de enfrentamento ao coronavírus, para que os campo-grandenses permaneçam em casa, em isolamento social, evitando aglomerações.

Já no sábado, o comércio está autorizado a abrir, mas com encerramento às 16h30. Desta forma, na véspera do feriado de Páscoa, não haverá alteração nas linhas, apenas a mudança no horário de encerramento, que será às 18h e não às 21h30 como ocorre nos dias comuns durante a semana. 

Mesmo com estas medidas, durante os três dias permanece valendo o decreto que permite apenas viagens com passageiros sentados. Em casos de desobediência, motoristas estão autorizados a acionar a Guarda Municipal para tomar medidas, como retirar o passageiro desobediente do veículo até aplicação de multa. 

Usuários do transporte coletivo podem consultar os horários e itinerários que estarão operando no site do Consórcio Guaicurus. Haverá equipes de fiscalização e operacional do consórcio Guaicurus na Praça Ary Coelho orientando e tirando dúvidas dos clientes.

O serviço operado pelo Consórcio Guaicurus opera parcialmente há quase três semanas, quando a prefeitura decretou diversas medidas de restrição para conter o avanço da pandemia de Covid-19, doença causada pelo novo coronavírus. Na segunda-feira (6), mais veículos passaram a circular, retomando as linhas normais.

 

Felpuda


Dia desses, há quem tenha se lembrado de opositor ferrenho – em público –, contra governante da época, mas que não deixava de frequentar a fazenda de “sua vítima” sempre que possível e longe dos olhos populares. Por lá, dizem, riam que só do fictício enfrentamento de ambos, que atraía atenção e votos. E quem se lembrou da antiga história garantiu que hoje ela vem se repetindo, tendo duas figurinhas carimbadas nos papéis principais. Ô louco!