Cidades
SAÚDE PÚBLICA

Hospital de Dourados cobra novos leitos de UTI e MPF pede bloqueio de verbas até que as unidades estejam prontas

O bloqueio pedido é de R$1,5 milhão da União, do estado e do município

Ketlen Gomes

13/05/2022 14:35

Ministério Público Federal (MPF) pode bloquear R$1,5 milhão em verbas públicas, até que oito novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal sejam implantados no Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados (HU-UFGD). 

O pedido foi feito à Justiça Federal em Dourados, e poderá afetar verbas públicas da União, do estado e do município. 

O hospital vem relatando ao MPF desde janeiro deste ano, situações de superlotação na UTI Neonatal, e desde 2014 existe uma ação judicializada pelo HU e pela UFGD, cobrando ao município, ao estado e a união, a implantação de novos leitos.