Clique aqui e veja as últimas notícias!

LUTO

Morre Betina Siufi, ex-administradora do Hospital do Câncer

Envolvida na máfia do câncer, Betina foi investigada durante 8 anos por envolvimento em fraudes no tratamento de câncer
10/06/2021 14:50 - Thais Libni


Morreu na madrugada desta quinta-feira (10) a ex-administradora do Hospital do Câncer, Betina Siufi vítima da doença. Betina estava se tratando contra o câncer, mas não resistiu. 

Conhecida nacionalmente por ser um dos alvos da "Operação Sangue Frio", Betina foi acusada de fraudar tratamentos de câncer. 

Últimas Notícias

A operação foi deflagrada em março de 2013 pela Polícia Federal (PF), Ministério Público Federal (MPF) e Controladoria Geral da União (CGU). 

Seu pai, o médico Adalberto Siufi também participava do esquema e foi investigado pelo recebimento de valores de pessoas que já tinham falecido, superfaturamento de medicamentos e aparelhos além de beneficiar familiares.

Betina descobriu estar com câncer, pouco tempo depois da deflagração da operação, foi convocada para responder CPI da Máfia do Câncer na Câmara Municipal de Campo Grande, mas não compareceu por decorrência de sua debilitada pela doença.

Para se tratar ela chegou a recorrer à Justiça para conseguir medicamentos, mas não conseguiu reverter seu quadro de saúde.

Operação

A operação "Sangue Frio" realizada pela PF em 2013 tinha como objetivo combater o monopólio nos serviços de radioterapia na Capital, que vinha sendo prestado a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS).

Denúncias como desvio de dinheiro público, corrupção passiva e fraudes em licitações foram investigadas. 

Ao todo, 100 agentes da PF participaram da ação, e mais de 20 servidores da Controladoria-Geral da União, entidade parceira no processo investigatório.

Assine o Correio do Estado