Clique aqui e veja as últimas notícias!

VACINAÇÃO COVID

Com vacinação parada em MS, ainda não há data definida para nova remessa de doses

Segundo secretário de saúde, doses contra Covid serão distribuídas de acordo com nível epidemiológico do Estado
17/02/2021 18:50 - Ana Karla Flores


Calendário de vacinação contra Covid-19 e quantitativo de doses distribuídas para Mato Grosso do Sul ainda não possuem data definida, mas podem ser divulgadas até amanhã (18) pelo Ministério da Saúde. 

Segundo o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, as doses serão divididas de acordo com o grau epidemiológico de cada estado.  

“O Governo Federal ficou de entregar até essa noite o calendário com as doses que iremos receber em fevereiro e março. Agora nós estamos aguardando que venham de fato e nas datas prometidas”, afirma Resende.

A formatação de um calendário de vacinação detalhado, com previsibilidade de entrega mês a mês, foi a principal reivindicação dos governadores junto ao Ministério da Saúde em reunião nesta quarta-feira.  

Durante reunião, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello disse que a compra dos imunizantes será feita dentro do PNI (Plano Nacional de Imunizações) e que a distribuição das vacinas será de acordo com os grupos prioritários. O ministro afirmou que os estados receberam as novas remessas a partir da próxima semana.

De acordo com Pazuello, até o final do ano, o Ministério da Saúde planeja adquirir 454,9 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19, de diversas fabricantes.

O ministro, propôs também distribuir aos estados cerca de 230 milhões de vacinas contra a Covid-19 até julho deste ano.

Do total previsto, 190 milhões de doses das vacinas Coronavac e Astrazeneca já estão contratadas pelo Instituto Butantan e Fiocruz. O  quantitativo restante ainda está em tratativa com o Consórcio Covax Facility e com os laboratórios União Química da Rússia e Precisa da Bharat Biotech.  

"O ministro apresentou essa previsão de entrega de vacinas e até julho teremos perto de 200 milhões de doses entregues. Assim que recebermos o calendário fechado vamos disponibilizar aos 79 municípios de Mato Grosso do Sul para que a nossa população possa acompanhar o recebimento", destacou o governador Reinaldo Azambuja após a reunião virtual.  

Os 79 municípios de Mato Grosso do Sul receberão o calendário de distribuição de vacinas contra a Covid-19 assim que o Ministério da Saúde formatar o plano nacional de distribuição das doses.

Já os calendários de vacinação de abril, maio, junho e julho serão anunciados até o fim de fevereiro.

"Mato Grosso do Sul construiu  uma logística rápida de distribuição de vacinas. Estamos prontos para receber as novas doses e reforçar nosso plano de enfrentamento à Covid-19", ressaltou Resende.

Vacinação no Estado

Mato Grosso do Sul já recebeu 222.960 doses dos imunizantes Coronavac e Astrazeneca em quatro lotes.  

A primeira remessa foi entregue a Mato Grosso do Sul em 18 de janeiro, com 158.760 doses da Coronavac. Destas, 23.932 foram destinadas apenas para Campo Grande.  

A segunda remessa foi no dia 24 do mesmo mês, quando 22 mil doses da vacina de Oxford chegaram ao Estado, 9.340 apenas para a Capital. A terceira remessa, com 10.200 doses da Coronavac, chegou no dia seguinte. Do total, Campo Grande recebeu 3.600 doses do imunizante chinês.

A quarta remessa com 32 mil doses de vacina contra a Covid-19, CoronaVac, foi entregue ao Governo do Estado no dia 7 de fevereiro.

De acordo com dados do Vacinômetro, até agora, 62,50% do público-alvo da primeira fase da campanha no Estado já recebeu a primeira dose da Coronavac. Ao todo, das 222.746 doses que chegaram ao Estado até agora, 127.537 foram aplicadas.