Clique aqui e veja as últimas notícias!

PANDEMIA

Covid-19: Mato Grosso do Sul confirma 102 óbitos nos cinco primeiros dias do ano

Com recorde de óbitos em 24h, 33 mortes foram registradas no Estado
05/01/2021 16:30 - Rafaela Moreira


Nos cinco primeiros dias do ano, o Estado já confirmou 102 vítimas fatais da Covid-19, sendo que 66 faleceram desde o dia 1° do ano.

Os dados são do boletim epidemiológico divulgado pela secretaria estadual de Saúde (SES), nesta terça-feira (05), que também apontam que nas últimas 24 horas, Mato Grosso do Sul registrou 33 novos óbitos, sendo número recorde desde o início da pandemia. 

O recorde anterior havia sido registrado no dia 22 de dezembro, quando o boletim apresentou 31 óbitos em um dia. Com isto, Mato Grosso do Sul já soma 2.431 mortes.

Últimas notícias

Ao todo, são 1.320 novos infectados pelo vírus, e o Estado chega a 137.570 casos confirmados. Campo Grande registrou de ontem para hoje 279 novos casos; Dourados 170; Ponta Porã 107; Amambaí 68; Maracaju 68; Três Lagoas 68; Corumbá 39; Aquidauana 33 e Rio Brilhante 32.

Em isolamento domiciliar encontram-se 11.908 pessoas, e 122.643 recuperados. Há 588 pessoas internadas, sendo 300 em leitos clínicos (196 público; 104 privado) e 288 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) (190 público; 98 privado).

Decreto 

A Prefeitura de Campo Grande prorrogou novamente o toque de recolher, das 22h às 5h, por mais 15 dias em Campo Grande. A medida valerá de 6 a 21 de janeiro.

Durante esse período, é proibida a circulação de pessoas nas ruas, salvo em casos de serviços essenciais. O objetivo é evitar aglomerações e conter a proliferação do vírus na capital. 

O toque de recolher não se aplica a serviços considerados essenciais, como atendimento médico de urgência ou emergência, farmácias, postos de combustíveis, serviço de coleta de lixo, delivery e ações destinadas ao enfrentamento da Covid-19. 

Quem for pego descumprimento o decreto, poderá responder penalmente por crimes contra saúde pública ou contra a administração pública em geral.

No mesmo documento, está sancionado que:

  • Estabelecimentos devem funcionar com lotação máxima de 40% de sua capacidade;
  • Festas e eventos devem respeitar a lotação máxima de 40%, e, ainda, ter no máximo 80 pessoas;
  • Comércio pode funcionar das 8h às 21h;
  • Shoppings podem funcionar das 10h às 22h;
  • Passe do estudante continua suspenso;
  • Passe do idoso funciona das 9h às 16h diariamente;
  • Transporte coletivo pode funcionar com 70% da capacidade máxima e funciona das 5h às 23h.

Orientações 

A SES afirma que o isolamento social; o uso de máscara e álcool gel e a higienização das mãos com água e sabão são medidas imprescindíveis para conter a propagação do novo coronavírus.

Pessoas que apresentarem febre, tosse seca ou dor de garganta devem permanecer em isolamento, caso os sintomas se agravem, é recomendado que se procure uma unidade básica de saúde mais próxima.

Assine o Correio do Estado