Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

VIRALIZOU

Mulher é flagrada furtando loja da Havan em MS e dono se revolta na internet; Veja Vídeo

Ação foi toda filmada pelas câmeras de segurança do estabelecimento
13/12/2019 09:16 - BRUNA AQUINO


 

Com mais de 100 lojas pelo Brasil, o dono da rede de departamentos Havan, o empresário Luciano Hang, já demonstrou que está de olho em tudo. Ontem (12), Hang publicou em rede social um vídeo onde mostra mulher em uma das lojas em Dourados, Mato Grosso do Sul, furtando várias peças de roupa e se indignou na internet. “Uma mulher com saúde, que poderia estar trabalhando e fazendo o seu melhor, é pega furtando nossa loja em Dourados (MS), Vamos trabalhar pessoal?”, questionou o empresário. 

Na publicação que tem milhares de visualizações, Hang disse que todas as lojas espalhadas pelo Brasil tem um forte esquema de videomonitoramento e mesmo que o crime não seja desmascarado na hora, sempre encontraram ações como essa pelas câmeras. 

O empresário informou ainda por rede social que o procedimento legal é sempre o mesmo, informar à polícia sobre o caso, mas que também procura divulgar o rosto da pessoa que cometeu o crime.  Ainda durante a publicação que viralizou nas redes sociais, Hang fez uma caça a suspeita. “Vamos trabalhar pessoal. Alguém conhece essa mulher?”, finalizou. 

Nos comentários da rede social, as pessoas detonaram a ação ocorrida no Estado Sul-Matogrossense. “Que absurdo!nem quem precisa realmente faz isso. Pois o bom caráter está acima de qualquer coisa. Vamos divulgar para que ela não faça mais isso. Para conquistar algo não é dessa forma”, disse uma das internautas.

Conforme boletim de ocorrência, o crime ocorreu 10 dias atrás e só agora foi percebido. O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário de Dourados e já está sendo investigado. 

Confira o furto no vídeo abaixo:

Felpuda


Figurinha está trabalhando intensamente para tentar eleger a esposa como prefeita de município do interior.

Até aí, uma iniciativa elogiável. Uns e outros, porém, têm dito por aí que seria de bom tom ele não ensinar a ela, caso seja eleita, como tentar fraudar folha de frequência de servidores. 

Afinal, assim como ele foi flagrado em conversa a respeito com outro colega, não seria nada recomendável e poderia trazer sérias consequências. Só!