Clique aqui e veja as últimas notícias!

VACINAÇÃO

Dia “D” de multivacinação nacional de crianças e adolescentes ocorre no próximo sábado

Campanha de multivacinação começou em 1º de outubro e termina no dia 29 deste mês
13/10/2021 12:21 - Naiara Camargo


O Dia “D” de mobilização nacional da campanha de multivacinação de crianças e adolescentes ocorre no próximo sábado (16), em todo o Brasil.

As 27 unidades federativas brasileiras aplicarão vacinas em jovens e crianças menores de 15 anos para aumentar a cobertura vacinal, controlar e diminuir a incidência de doenças e evitar possíveis pandemias, endemias e epidemias.

Últimas notícias

A campanha começou em 1º de outubro e termina em no dia 29 em Mato Grosso do Sul. 

O objetivo é incentivar pais e filhos a atualizarem a caderneta de vacinação. 

As vacinas disponíveis nos postos de saúde são:

  • BGC 
  • Hepatite B 
  • Poliomielite (VIP – inativada) 
  • Poliomielite (VOP – atenuada) 
  • Rotavírus Humano G1P1 
  • Pentavalente 
  • Pneumocócica 10 valente 
  • Meningocócica C (conjugada) 
  • Febre Amarela 
  • Tríplice Viral 
  • Tetraviral 
  • Hepatite A 
  • DTP 
  • Difiteria e Tétano (dT) 
  • HPV 
  • Pneumocócica 23-valente 
  • Varicela 
  • Influenza 
  • dTpa (apenas para gestantes) 

Jovens de 12 a 15 anos podem tomar as vacinas indicadas e a vacina contra Covid-19 simultaneamente.

Equipes plantonistas da Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) estavam alocadas no Shopping Norte Sul na última segunda-feira (11) para reforçar a vacinação em crianças e adolescentes.

A imunização é de extrema importância para garantir a proteção individual e coletiva, pois evita a propagação de doenças que causam sequelas ou até mesmo levam o indivíduo à óbito. 

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) ressalta que é fundamental que haja vacinação de um grande número populacional para garantir o controle e eliminação de doenças imunopreveníveis. 

O secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, convoca pais e filhos aos postos de imunização para vacinarem seus filhos.

“Para este ano, estamos esperançosos com esta campanha. Apesar de estarmos em um cenário em que houve redução de casos da Covid-19, todos os municípios devem seguir os protocolos de biossegurança recomendados pela SES para minimizar o risco de infecção pelo Coronavírus”.

O secretário municipal de saúde, José Mauro Filho, incentiva que pais e responsáveis levem seus filhos para se vacinarem.

“Muitas vezes acreditamos que não há dose em atraso, mesmo assim é necessário ir até uma unidade de saúde para confirmar, porque sempre pode acontecer imprevistos que fazem com que nos esqueçamos da vacina”.