Clique aqui e veja as últimas notícias!

CAMPO GRANDE

Obras no Parque dos Poderes começam na primeira quinzena de junho e devem ser entregue em 2023

Intervenção inclui desde recapeamento até implantação de ciclovia e paisagismo
02/06/2021 14:02 - Rafaela Moreira


As obras de revitalização do Parque dos Poderes, terão início na primeira quinzena de junho na Capital, o projeto tem valor estimado em R$ 19 milhões.

Conforme o engenheiro civil da Engepar Engenharia, empresa responsável pela obra, Thiago Gonçalvez, as intervenções começam nos próximos dias, e a expectativa é de que a obra fique pronta no início de 2023.

“As obras se iniciam na primeira quinzena de junho, com prazo de execução de 540 dias. Devido ao momento em que vivemos de pandemia, e as incertezas geradas quanto ao enfrentamento a ela, podemos ter ajustes no prazo, mas esse é o cronograma”, explicou.

Últimas notícias

A obra prevê a restauração do pavimento, drenagem das águas pluviais, urbanização e implantação de ciclovias, pista de cooper, calçamento padronizado e acessibilidade de calçadas.

Esta será a primeira intervenção no local desde sua inauguração, em 38 anos. Além de ser usado para prática de atividades físicas e lazer, o Parque dos Poderes também é sede dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário e do Ministério Público.

O engenheiro destaca que também está prevista a construção de um Centro de Apoio ao Usuário, com banheiros masculinos, femininos e adaptados para pessoas com deficiência.

“O projeto contempla a revitalização do parque dos poderes, o grande conceito do projeto é a integração e conforto para todos. Serão instaladas áreas de vivências, academias, bancos, lixeiras e totens. Haverá, também, projeto paisagístico e nova sinalização da via, para garantir segurança e conforto”, ressaltou o engenheiro responsável pela obra.

De acordo com a Engepar, o projeto inclui o recapeamento de 110 mil m² de ruas; implantação de 4 quilômetros de pista de caminhada e corrida; 4,2 quilômetros de ciclovia no canteiro central, acessibilidade, paisagismo, 70 bancos de descanso, três estações de ginástica, reforma dos estacionamentos e instalação de 41 abrigos nos pontos de ônibus e de lixeiras.

Assine o Correio do Estado