Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

COVID-19

Campo Grande terá barreiras sanitárias ativadas

Com aumento de casos da Covid-19 no interior, Capital vai fiscalizar saídas da cidade
23/05/2020 17:19 - Súzan Benites


Com o aumento do número de casos do novo coronavírus (Covid-19) em cidades do interior, a prefeitura de Campo Grande anunciou a ativação das barreiras sanitárias nas saídas da Capital. De acordo com  a prefeitura, já na próxima semana, as barreiras sanitárias nas saídas de Campo grande serão ativadas para informar e testar motoristas que passam pelas divisas das cidades. A operação será realizada durante 48 horas.

Durante transmissão de coletiva pelas redes sociais, o prefeito Marcos Trad (PSD), afirmou que a intenção é mapear de onde vem os contaminados com o vírus. “Essas primeiras regras de barreiras sanitárias será uma espécie de mapeamento, um planejamento para identificar a origem de fato da transmissão e da vinda dessas pessoas para a nossa cidade. Esse planejamento já havia e só não foi instalado antes porque os municípios estavam sim contornando e mantendo a estabilidade da curva. Como tivemos casos que cresceram já estamos fazendo essas barreiras nesta semana para proteger Campo Grande”, disse Trad.

A intenção, segundo a gestão municipal, é levar informação e orientar os motoristas que circulam de uma cidade para outra, além de realizar exames que mostram os números reais do coronavírus. Ao passar pelo local, o motorista será abordado por profissionais da saúde, da Secretaria Municipal e voluntários, que irão aferir a temperatura corporal, informar e orientar a população sobre a prevenção ao covid-19.

Em caso de estado febril constatado, o motorista ou passageiro realizará o teste rápido do vírus, sendo encaminhado para outras providências. A ação acontece também em parceria com as 17 barreiras já instaladas nas fronteiras pelo governo do Estado. Ao passar por uma dessas fronteiras, o motorista recebe um adesivo, sendo liberado pela barreira sanitária.

A operação conta com apoio da Agência Municipal de Transporte e Trânsito, Guarda Civil Metropolitana, Polícia Rodoviária Federal, Departamento Estadual de Trânsito, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

BOLETIM

Nas últimas 24 horas, Mato Grosso do Sul teve um acréscimo de 53 novos casos da doença. A maior parte foi em Guia Lopes da Laguna, com 23 casos confirmados de sexta-feira para este sábado. Com esses novos episódios o município já contabiliza 144 infectados.

Outros 13 casos foram confirmados em Bonito, cidade da mesma região de Guia Lopes. A principal cidade turística do Estado já tem 30 casos confirmados, até a manhã deste sábado. Ao todo o Estado tem 858 casos confirmados da doença.

Em Campo Grande são 238 casos no total,  com seis óbitos e 158 recuperados na Capital.

 

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...