Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CAMPO GRANDE

Fechados há 179 dias, parques e praças com portões reabrirão na segunda-feira

Parques e praças esportivas, fechadas em março para conter o contágio da Covid-19, serão reabertos
10/09/2020 09:00 - Rodrigo Almeida


Depois de 179 dias fechados, os parques de Campo Grande reabrirão na segunda-feira (14). A prefeitura se reuniu na tarde de ontem para debater o tema.  

A gestão municipal publica o decreto no Diário Oficial de Campo Grande (Diogrande), nesta quinta-feira. No mesmo dia, a Fundação Municipal do Esporte (Funesp) começa a capacitação de servidores da área.  

Segundo o diretor-presidente da Funesp, Rodrigo Terra, boa parte das diretrizes já está fechada. “Os últimos detalhes podem ser desenvolvidos durante o período de capacitação e não farão parte do decreto”, revelou.  

A apuração do Correio do Estado conseguiu adiantar algumas normas que farão parte da estratégia de retomada das atividades. Entre o que foi alinhado na reunião, ficou decidido que os locais poderão receber apenas 50% da lotação máxima. Também serão posicionados equipamentos para higienização com álcool 70% nas saídas e em locais estratégicos.  

Materiais educacionais serão afixados nos parques e servidores trabalharão usando equipamentos de proteção individuais (EPIs). Além disso, eles orientarão sobre os cuidados durante a prática de execício físico, o uso de máscara e para que os usuários evitem aglomeração.

Também será aferida a temperatura dos visitantes na entrada, e pessoas em estado febril, acima de 37,8º graus, não poderão entrar nos parques. Outra medida sanitária é a intensificação da limpeza nos equipamentos de esporte e lazer.

Haverá restrição no uso de quadras poliesportivas, academia ao ar livre, campo de futebol, caixa de areia, parque infantil, banheiros e pontos de hidratação. Esses deverão ser isolados, aponta a normativa. Com o tempo seco na cidade, a recomendação é de que as pessoas levem garrafas de água.  

De acordo com a assessoria da Funesp, todos os parques administrados serão abertos, com exceção do Guanandizão, que está em reforma, e o Parque Ayrton Senna, que abriga o Polo de Combate à Covid-19 na Capital.  

Terra afirma que as medidas não têm uma data de validade e o trabalho deve ser contínuo. “Vamos avaliar semanalmente. Se os indicadores de saúde piorarem, a abertura será revista”.  

RETOMADA

Com o anúncio do boletim epidemiológico de que MS caminha para estabilização dos casos de Covid-19, a tendência neste mês de setembro é de flexibilização das medidas restritivas. Já o governo do Estado tem mais cautela. O Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul) afirma em nota que o Parque das Nações Indígenas entrou na fase final das obras de revitalização e quando e como será a reabertura está em avalização. O mesmo é dito para Unidades de Conservação Estaduais.  

Aos poucos, os serviços na Capital são retomados pela prefeitura. Nos últimos dias, a gestão já entrou em acordo com as escolas particulares para a retomada das aulas na Educação Infantil.

Algumas restrições foram impostas, mas a data parcial deve ser o dia 21 deste mês, com 30% da capacidade e apenas para crianças de 0 a 5 anos.  

Outra medida tomada pela administração municipal foi a liberação das partidas de futebol recreativas em Campo Grande. As populares peladas estão liberadas também com a impossibilidade de cobrar arremesso lateral com as mãos e mantendo distanciamento de um metro.

 
 

Felpuda


Figurinha está trabalhando intensamente para tentar eleger a esposa como prefeita de município do interior.

Até aí, uma iniciativa elogiável. Uns e outros, porém, têm dito por aí que seria de bom tom ele não ensinar a ela, caso seja eleita, como tentar fraudar folha de frequência de servidores. 

Afinal, assim como ele foi flagrado em conversa a respeito com outro colega, não seria nada recomendável e poderia trazer sérias consequências. Só!