Cidades

Capital

Pelo menos 10 mil pessoas devem passar pelo terminal rodoviário nesta quinta-feira

Pelo menos 10 mil pessoas devem passar pelo terminal rodoviário nesta quinta-feira

Evelyn Souza

23/12/2010 - 15h24
Continue lendo...

Pelo menos 10 mil pessoas devem passar pelo terminal rodoviário de Campo Grande nesta quinta-feira (23). A estimativa é da administração, que já garantiu 680 veículos extras para atender os cerca de 56.500 embarques e 49.820 desembarques esperados.

A estimativa final é de que 106 mil pessoas utilizem o transporte rodoviário neste feriado de Natal. Os destinos mais procurados são para a cidade de São Paulo, Corumbá, Curitiba, Cuiabá, Ribas do Rio Pardo, Bandeirantes, Dourados, Rio de Janeiro e Florianópolis.

GRATUITO

Arraial de Santo Antônio começa nesta quarta-feira em Campo Grande

Tradicional festa junina da Capital terá shows de Munhoz e Mariano e Grupo Tradição na abertura, mas arraial segue até o dia 16 de junho; Veja programação

12/06/2024 14h32

Arraial de Santo Antônio será realizado na Praça do Rádio Clube

Arraial de Santo Antônio será realizado na Praça do Rádio Clube Foto: Diego Gonçalves / Arquivo

Continue Lendo...

Sempre muito esperado pelos campo-grandenses, ele chegou! O 22° Arraial de Santo Antônio começa nesta quarta-feira (12). O evento trás muita alegria, dança e comidas típicas. Organizado pela Prefeitura de Campo Grande, através da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Sectur) e o Fundo de Apoio à Comunidade (FAC), o arraial acontece de 12 a 16 de junho na Praça do Rádio Clube.

Nesta edição, um dos momentos mais aguardados, é a apresentação das quadrilhas juninas. Com muita cor, música e animação, a apresentação da vez está por conta do Colégio Nova Geração, mas não para por aí, hoje também é dia de show com a dupla Munhoz e Mariano.

A programação do Arraial de Santo Antônio inclui uma variedade extensa de atrações para todas as idades.

Confira a programação: 

12 de junho - quarta-feira

  • 19h às 21h - Grupo Tradição
  • 21h às 23h - Munhoz e Mariano

13 de junho - quinta-feira

  • 18h - Procissão - Catedral de Santo Antônio até a Praça do Rádio Clube
  • 19h - Santa Missa
  • 20h às 21h30 - Fraternidade São João Paulo II
  • 21h30 às 23h30 - João Haroldo e Betinho

14 de junho - sexta-feira

  • 19h às 20h - Pedro e Evandro
  • 20h às 21h - Tostão e Guarani
  • 21h às 23h - Trio Violada

15 de junho - sábado

  • 19h às 21h - Max Henrique
  • 21h às 23h - Victor Gregório e Marco Aurélio

16 de junho - domingo

  • 18h às 20h - Forró Ipê de Serra
  • 20h às 22h - Alex e Ivan

Um dos momentos mais aguardados desta edição será a apresentação das quadrilhas juninas. Com muita cor, música e animação, a apresentação desta quarta-feira será do Colégio Nova Geração. Mas a festa não para por aí! A programação do Arraial de Santo Antônio inclui uma variedade de atrações para todas as idades.

Barracas com comidas típicas oferecerão delícias como pamonha, curau, canjica, quentão e muitos outros pratos que remetem às festas juninas do interior. As crianças terão um espaço kids com brincadeiras e atividades especialmente preparadas para elas.

E claro, a música não pode faltar! Grandes nomes da música sertaneja e regional subirão ao palco para animar a festa todas as noites.

Hoje, a dupla Munhoz e Mariano se apresenta às 21h, após o show de abertura do Grupo Tradição. Nos dias seguintes, artistas como Fraternidade São João Paulo II, João Haroldo e Betinho, Pedro e Evandro, Tostão e Guarani, Trio Violada, Max Henrique, Victor Gregório e Marco Aurélio, Ipê da Serra, e Alex e Ivan garantirão que a festa continue animada.

O Arraial de Santo Antônio de Campo Grande também é aguardado com ansiedade por muitas Organizações Sociais sem fins lucrativos que veem neste período uma oportunidade de levantar renda com a venda de produtos durante todos os dias de evento.

As 35 barracas que serão montadas na festa terão autorização para a comercialização de alimentos, bebidas e artesanatos nos cinco dias de festa.

Serviço

Evento: 22ª edição do Arraial de Santo Antônio de Campo Grande
Data: 12 a 16 de junho
Local: Praça do Rádio Clube
Endereço: Avenida Afonso Pena e Rua Barao do Rio Branco, com Rua Padre Joao Crippa e Rua Pedro Celestino
Horário: A partir das 18h
Entrada: Gratuita

Assine o Correio do Estado

Interior

Acusados de matar irmãos em "tribunal do crime", pai e filha são procurados pela polícia

De acordo com as investigações, pai e filha são acusados de matar Emerson e seu irmão no último dia 4 de maio, no município de Angélica.

12/06/2024 14h15

Divulgação/ Polícia Civil

Divulgação/ Polícia Civil

Continue Lendo...

Amarildo Soares do Pinho, de 60 anos, e sua filha, Jéssica Fernanda dos Santos do Pinho, de 33, estão sendo procurados pela Polícia Civil. Eles são suspeitos de terem matado dois irmãos enquanto estes tomavam tereré em frente a uma residência no município de Angélica, a 276 quilômetros de Campo Grande.

Segundo as investigações, os fatos ocorreram no dia 4 de maio, às 22h, quando duas pessoas invadiram uma residência e efetuaram seis disparos de arma de fogo que atingiram as vítimas.

Divulgação/ Polícia Civil

Diante das informações, investigadores dos municípios de Angélica e Ivinhema realizaram diversas fiscalizações pela região, identificando os suspeitos, que seriam pai e filha. De acordo com a polícia, Amarildo e Jéssica tinham um desafeto em comum e promoveram o que se chama entre facções criminosas de "tribunal do crime", que é um julgamento interno entre grupos criminosos, visando julgar e sentenciar quem descumpre as regras.

A polícia enviou ao Ministério Público o pedido de prisão dos dois, que foi decretada pelo Poder Judiciário. Por enquanto, ambos não foram localizados e seguem foragidos.

De acordo com a polícia, o homem de 60 anos possui um mandado de prisão em aberto por crime de homicídio em Mato Grosso. 

Quem souber de alguma informação sobre o paradeiro dos procurados pode fazer denúncias anônimas por meio do Whatsapp (67) 99208-9491, garantindo-se o sigilo dos denunciantes. 


Execução 

Divulgação/ Polícia Civil

Emerson Lopes, de 33 anos, foi morto a tiros na noite de sábado (4), enquanto tomava tereré com o seu irmão, em frente de uma residência, no bairro Jardim dos Estados, em Angélica, a 276 quilômetros de Campo Grande. 

De acordo com a polícia, o atirador tinha cobertura de mais dois suspeitos, que ajudaram na fuga após a execução.  

Segundo a perícia técnica, Emerson foi atingido por vários tiros na cabeça e no tórax, morrendo no local. O irmão dele foi atingido na perna, chegou a ser socorrido e acabou morrendo no hospital. 

Até o momento não se sabe os motivos para o crime. 

 

 Assine o Correio do Estado  

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).