Cidades
SERGIPE

PF faz perícia na 'câmara de gás' do camburão da PRF onde morreu Genivaldo

l Genivaldo de Jesus Santos foi trancado durante abordagem e morreu no veículo

Estadão Conteúdo

28/05/2022 22:00

Quatro peritos do Instituto Nacional de Criminalística da Diretoria Técnica Científica estiveram na manhã deste sábado em Umbaúba, no interior de Sergipe, para examinar a viatura da Polícia Rodoviária Federal na qual Genivaldo de Jesus Santos foi trancado durante abordagem na quarta-feira, 25. 

O homem de 38 anos morreu após o veículo se transformar em uma 'câmara de gás', em razão de os policiais terem usado gás de pimenta e gás lacrimogêneo dentro do porta-malas do mesmo.

Os agentes também fazem a perícia do local onde Genivaldo de Jesus Santos foi abordado.

 Como mostrou o Estadão, antes da vítima ser trancada na viatura da PRF, ela foi alvo de xingamentos, rasteira e chutes, além de ter sido imobilizada por dois agentes que colocaram os joelhos sobre seu tórax.

As perícias são parte das diligências que a PF em Sergipe realiza no âmbito do inquérito aberto para apurar as circunstâncias da morte de Genivaldo. 

A corporação diz que também está realizando a identificação de testemunhas e a coleta de material probatório.