Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

MEDIDAS

Pista esburacada do Detran estará consertada em 60 dias, garante diretor-presidente

Rudel Trindade assumiu a gestão do órgão há quatro dias
12/03/2020 11:55 - Ricardo Campos Jr


 

O novo diretor-presidente do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-MS), Rudel Trindade, garantiu que o asfalto da pista de testes e aulas práticas na sede do órgão estará completamente refeito dentro de 60 dias. Conforme denunciado pelo Correio do Estado, o local está tomado por buracos, um desafio a mais para quem está aprendendo a dirigir.

“A empresa que vai executar as obras já está contratada e começa a trabalhar na semana que vem”, declarou o novo gestor durante entrevista coletiva nesta quinta-feira (12).

O serviço custará R$ 320.427 aos cofres públicos e vai incluir também a revitalização do Detranzinho, espaço que simula uma cidade onde crianças têm momentos de educação para o trânsito. Inclusive a reforma começará por esse ponto.

 
 

LIMPEZA

Duas outras empresas venceram a licitação para cuidar da ordem e limpeza das sedes do Departamento na Capital e no interior.

Nesta semana, começou a ser feita a poda da grama. Em Campo Grande, o serviço deve ser concluído em 15 dias. A partir daí, as vencedoras cuidarão apenas da manutenção.

Outro problema que já foi resolvido é a ligação do órgão à rede pública de água e esgoto. Antes, o local era servido por poços artesianos. Exames revelaram que o líquido era impróprio para o consumo de clientes e funcionários.

Com isso, o Detran espera gastar em média R$ 32 mil por mês com a conta de água, o que equivale ao uso de aproximadamente 1,2 mil metros cúbicos mensais.

As obras para instalação do encanamento custaram R$ 70 mil que foram divididos em 36 parcelas. Rudel esclarece que foram gastos necessários, uma vez que o assunto diz respeito à saúde das pessoas.

Para ajudar a reduzir custos e equilibrar as contas, o novo diretor-presidente planeja implantar energia solar em todas as sedes do órgão no Estado, projeto que ainda será elaborado.

 

Felpuda


Lideranças de alguns partidos estão fazendo esforço da-que-les para fechar chapa com o número exigido por lei de 30% do total de vagas para as mulheres. Uma dessas legendas, por exemplo, tenta mostrar a “felicidade” das suas pré-candidatas, mas teme o fracasso, tendo em vista que o “chefe maior” é aquele que já mandou mulheres calarem a boca e disse também que a importância da sua então esposa na campanha eleitoral era porque apenas “dormia com ele”. Ô louco!