Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CORONAVÍRUS

Plataforma auxilia no monitoramento de isolamento social

População de Mato Grosso do Sul cumpre menos que a média nacional de isolamento
04/04/2020 18:00 - Estadão Conteúdo


A plataforma de monitoramento In Loco está disponibilizando dados oficiais que mostram a adequação da população em relação ao respeito da quarentena. As informações que são utilizadas pelo Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, mostram, por exemplo, que apenas 48,1% dos moradores estavam em casa no dia 2 de abril. O número é abaixo da média nacional, que apontava 53,9% no mesmo dia.

De acordo com informação do sistema inteligente, o índice foi ainda menor no dia 1 de abril, em que apenas 47% da população sul-mato-grossense cumpriu o isolamento social. Os gráficos são distribuídos pelas cores, verde, amarelo, laranja e vermelho, sinalizando a situação de cada município.

O município de Jateí foi o que melhor contribuiu para a diminuição da disseminação do coronavírus por meio do isolamento social. Entre as 79 cidades do Estado, que também seguiu as recomendações da Organização Mundial da Saúde foram Bela Vista com 73,7% e Corumbá com 69,2%.

Na cor vermelha, que sinaliza o não cumprimento do isolamento social, os piores índices ficaram para Japorã com 35,3% e São Gabriel do Oeste com 36,1%.

Toque de recolher

O toque de recolher estipulado pela Prefeitura Municipal de Campo Grande também não foi obedecido pelos moradores na última semana. Dados referentes ao dia 2 de abril e divulgados pela Guarda Municipal revelam que 145 cidadãos violaram a medida para conter o avanço do novo coronavírus. Além disso, 59 estabelecimentos comerciais estavam atendendo o público in loco e foram orientados a fecharem as portas e adotarem o serviço de entrega para clientes. 

Já ontem (3), 22 estabelecimentos foram orientados a encerrar atendimento em Campo Grande e 120 pessoas não respeitaram o isolamento, sendo abordadas e orientadas a permanecerem do lado de dentro de suas residências pela Guarda Municipal. 

As estatísticas apontam a população respeitou os três primeiros dias do toque de recolher, sendo que no dia 23 de março, o índice de pessoas foram de casa chegou a zero. Contudo, no dia 26 aumentou para 155 até bater o recorde no dia 29 de março com 172 pessoas, a maioria sentada na calçada conversando. 

 

Felpuda


Na troca de alfinetadas entre partidos que não se entenderam até agora sobre eventual aliança, uma outra peça está surgindo: trata-se do levantamento completo sobre investimentos feitos, recursos liberados, parcerias em todas as áreas, além do prazo de quando tudo isso começou. Caso os palanques venham a ficar distanciados, a divulgação será feita à exaustão durante a campanha eleitoral, para mostrar quem é quem na história. Os bombeiros continuam atuando.