Clique aqui e veja as últimas notícias!

DECRETO

População corre para garantir bebidas alcoólicas antes de decreto de "Lei Seca" vigorar

Conveniências esperam vender até 70% mais do que normal
11/06/2021 18:30 - Thais Libni


A proibição da venda de bebidas alcoólicas em supermercados e atacadistas a partir do dia (13) de junho até o dia (24), fez população correr para conveniências para garantir estoque.

Desde a publicação do decreto estadual na quinta-feira (10), com medidas restritivas mais severas, para combater o contágio da Covid-19 em cidades do Mato Grosso do Sul que estão na bandeira cinza do programa Prosseguir, os pontos de vendas de bebidas da Campo Grande registraram aumento nas vendas.

Últimas Notícias

Daniel Bento Diniz, coordenador de entregas da conveniência Santa Festa, disse que muitas pessoas buscaram fazer seu estoque de bebidas para não ficarem sem, durante os 15 dias de decreto.  

"No final do dia de ontem, percebemos que muitas pessoas estavam com medo de ficar sem sua bebida e começaram a nos procurar, para fazer um estoque, levando caixinhas de cerveja, vinho entre outras bebidas", relatou.

Ainda de acordo com Daniel, é esperado um aumento de 70% nas vendas presenciais até o dia (13).

"As pessoas buscam comprar as coisas de última hora e estamos contado com isso, além do dia dos namorados, esperamos que nossas vendas aumentem em 70% até o dia do decreto entrar em vigor".  

Carine Ferrari, foi uma das pessoas que garantiu suas bebidas, após a publicação do decreto na quinta (10), a jovem se dirigiu a uma conveniência e comprou as bebidas para ela e sua irmã consumirem.  

"Após uma semana exaustante de trabalho a gente quer dar aquela relaxada e ter algum tipo de  escape, e com o decreto proibindo a venda de bebidas, eu e minha irmã nos apressamos para garantir nossos vinhos e cervejas para consumir durante esse tempo", relatou a jovem.

Durante os 15 dias, a compra de bebidas alcoólicas será permitida apenas por delivery.

Assine o Correio do Estado