Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

COVID-19

População ignora medidas de segurança contra o coronavírus

Vigilância atendeu mais 1,6 mil denúncias de descumprimento de medidas de segurança em estabelecimentos comerciais
12/04/2020 17:00 - Naiane Mesquita


Mesmo com os casos aumentando do novo coronavírus no Brasil, a Vigilância Sanitária Municipal (Visa) recebeu mais 2,6 mil denúncias de descumprimento das medidas de segurança adotadas para frear a disseminação do Covid-19. De acordo com informações do órgão, 1.640 denúncias foram atendidas e 13 estabelecimentos autuados por irregularidades.

De acordo com informações do órgão, o principal motivo para descumprimento das exigências é a falta de tempo hábil para adequar os estabelecimentos comerciais, problemas financeiros e o próprio comportamento da população, que julga as medidas como exageradas. As denúncias foram recebidas desde 23 de março. 

Entre as medidas exigidas pela Vigilância estão evitar aglomerações, manter o distanciamento social de 1,5 metros entre pessoas, usar máscaras de proteção de tecido, higienizar as mãos com frequência, evitar o contato das mãos com o nariz, boca e olhos. A etiqueta de espirrar cobrindo as narinas com o braço também deve ser adotada. 

Mesmo nessas condições, a população que conseguir se manter em isolamento social deve permanecer dessa forma, saindo apenas o necessário.  

As denúncias por descumprimento dos decretos e resoluções podem ser feitas através do número 156 ou 3314-9955 (Ouvidoria). As medidas de segurança podem ser acessadas por meio do link http://www.campogrande.ms.gov.br/reabertura/

 

 

 

Felpuda


Figurinha carimbada ganhou o apelido de “biruta”, instrumento que indica direção do vento e, por isso, muda constantemente. Dizem que a boa vontade até existente ficou no passado, e as reclamações são muitas, mas muitas mesmo, diante das decisões que vem tomando a cada mudança de humor do eleitorado. Como bem escreveu o poetinha Vinicius de Moraes: “Se foi pra desfazer, por que é que fez?”.